Informe aqui

Softex promove missão comercial virtual com startups do Canadá, Portugal e Colômbia

A Softex promoverá entre os dias 11 de novembro e 9 de dezembro a primeira edição do Global Connection, uma missão empresarial internacional virtual reunindo empresas brasileiras e startups do Brasil, Canadá, Portugal e Colômbia. “Ao longo de oito encontros, nosso objetivo é conectar esses quatro ecossistemas e auxiliar os participantes a iniciarem suas atividades no mercado internacional”, explica Ana Pires, gerente de internacionalização da Softex, antecipando a intenção de realização – no ano que vem – de outras edições envolvendo diferentes países e oportunidades.

A programação inclui apresentações gratuitas sobre oportunidades de acesso a investimentos públicos e privados, contato com executivos de incubadoras internacionais e de programas de aceleração virtual, orientação para abertura de empresa e obtenção de vistos, além de conexão com empresas, instituições e ecossistemas internacionais, entre outros tópicos.

Integram a relação de palestrantes Etelvina Nabais, coordenadora do Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação; António Bob Santos, da ANI – Agência Nacional de Inovação de Portugal; Nuno Moreno, da Startup Lisboa; Carlos Soares Lopes, CEO da Startup Madeira; Mateo Molina Rodríguez, da Agencia de Cooperación e Inversión de Medellín; Eliza Fiuza, Gerente de Projetos e de Investimentos Estrangeiros da Montreal International; Miryam Lazarte, CEO da LatAm Startups; Regina Noppe, CEO da Dream2B; Mariana Gomes, gerente de projetos de tecnologia da Apex-Brasil; e Ruben Delgado, presidente da Softex.

Braço executor das políticas públicas no setor de TIC, a Softex desenvolve uma série de ações para fomentar a inovação em âmbito nacional. Atualmente, mais de 6.000 startups e 500 mentores integram a base da entidade, que possui uma aceleradora exclusiva e mais 19 parceiras, além de 51 ICTs credenciadas. Mais de 600 startups já receberam investimentos por meio dos diversos programas gerenciados pela Softex.

Ecossistema com muitas oportunidades para as empresas brasileiras – Tendo Medellín como uma das cidades mais empreendedoras e inovadoras do mundo, a Colômbia oferece muitas facilidades para abertura de empresas e conexão com os Estados Unidos.

O mesmo ocorre com o Canadá, que dispõe de um ecossistema diferenciado, com muitas Fintechs em Toronto e um grande centro de Inteligência Artificial em Montreal.

Porta de entrada para Europa, Portugal garante acesso diferenciado a investimentos para as empresas brasileiras e dispõe de um forte ecossistema de desenvolvimento de startups, três unicórnios – Outsystems, Talkdesk e Farfetch – e é o 12º país mais inovador da União Europeia segundo dados do European Innovation Scoreboard 2020.

Serviço

Home

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos