book_icon

Novos servidores Dell PowerEdge para clientes de todos os portes

Eles oferecem configurações eficientes que simplificarão as operações para organizações, incluindo CSPs de todos os tamanhos ou pequenas empresas

Novos servidores Dell PowerEdge para clientes de todos os portes

A Dell Technologies anunciou uma expansão em seu portfólio de servidores com upgrades de desempenho e eficiência para onde quer que o Dell PowerEdge seja implementado. Esses servidores representam a última geração de inovação em servidores para os maiores e menores clientes da Dell.

Criados com a versatilidade em mente, esses novos servidores Dell PowerEdge oferecem configurações eficientes que simplificarão as operações para organizações, incluindo CSPs de todos os tamanhos, proprietários de pequenas empresas e aqueles que operam na Borda. Com as melhorias de desempenho nos novos servidores, os clientes têm o poder de computação para lidar com uma variedade de cargas de trabalho.

Os servidores Dell PowerEdge T160 e R260 oferecem computação compacta para pequenas empresas e escritórios remotos que procuram configurações poderosas e densas

“Nossos clientes estão recorrendo aos nossos servidores mais recentes para executar cargas de trabalho mais intensivas em computação enquanto tentam gerenciar energia e emissões”, disse Travis Vigil, vice-presidente sênior de Gerenciamento de Produtos do Infrastructure Solutions Group da Dell Technologies. “Isso se baseia em nossos 30 anos de experiência, onde o Dell PowerEdge tem sido a espinha dorsal da infraestrutura de TI, ajudando os clientes a se adaptarem às necessidades de negócios em evolução e dando suporte a cargas de trabalho em Data Centers de Borda, principais e na Nuvem”, completou.

Os novos servidores Dell PowerEdge R670 CSP Edition e R770 CSP Edition oferecem aos provedores de serviços de Nuvem o desempenho ideal para computação de alto desempenho, incluindo cargas de trabalho em Nuvem de alta densidade e expansão, como virtualização e análise de dados. Além disso, por meio do Programa de Acesso Antecipado da Dell, os clientes podem avaliar esses novos designs de servidor para que os CSPs possam dimensionar a produção desde o primeiro dia de disponibilidade.

Projetados com a tecnologia Smart Cooling, esses servidores são eficientes em termos de energia e se adaptam de forma inteligente a ambientes em mudança. O formato compacto com E/S frontal para facilidade de manutenção no corredor frio e configurações versáteis torna esses servidores mais simples de implantar e operar, tornando-os ideais para data centers especializados.

Trazendo o processador Intel Xeon 6 Efficient para o mercado, os clientes verão até 2,3 vezes mais desempenho por rack em comparação com a geração anterior. Esses servidores são equipados com o Dell Open Server Manager construído no OpenBMC simplificar o gerenciamento em um ecossistema aberto para ambientes grandes e heterogêneos.

Esses novos servidores CSP Edition marcam a estreia da arquitetura Data Center – Modular Hardware System (DC-MHS) no portfólio Dell PowerEdge. Esta especificação DC-MHS oferece suporte à integração mais fácil do servidor na infraestrutura existente, padronizando servidores, melhorando o design e a escolha do cliente. Parte do Open Compute Project, o DC-MHS é uma colaboração entre seis empresas, incluindo a Dell Technologies e a Intel, focada em redesenhar a tecnologia de hardware para tornar o data center, a borda e a infraestrutura corporativa mais interoperáveis.

“A Intel está entusiasmada em ter a Dell Technologies na vanguarda de nosso desenvolvimento na última geração do processador Intel Xeon 6, permitindo que os clientes de todos os setores cumpram de forma rápida e transparente a promessa de computação eficiente e de alta densidade para datacenters de IA do futuro”, disse Ryan Tabrah, vice-presidente e gerente-geral de Produtos Intel Xeon Efficient-core da Intel Corporation.

Menor espaço ocupado, o dobro do desempenho

Os servidores Dell PowerEdge T160 e R260 oferecem computação compacta para pequenas empresas e escritórios remotos que procuram configurações poderosas e densas. Com quase metade da pegada física (42%), o T160 empilhável oferece uma pegada de carbono mais baixa por meio do aumento do uso de materiais sustentáveis, incluindo um chassi de metal não pintado. O servidor é até 23% mais eficiente em termos de energia em comparação com a geração anterior.2 A R260 também tem uma pegada física reduzida (24%), aumentando sua versatilidade.

Ambos os servidores contam com os processadores Intel Xeon E-2400, oferecendo o dobro do desempenho em relação à geração anterior. O T160 é ideal para organizações que procuram fazer processamento de dados em tempo real em instalações próximas. O R260 funciona bem para implantar virtualização de borda próxima, minimizando a latência em até 50%. Para aqueles que trabalham em ambientes agressivos, o T160 e o R260 são equipados com molduras de filtro, protegendo o hardware interno de poeira e partículas de gordura, ajudando a garantir um fluxo de ar desobstruído para melhor desempenho e acústica.

“A tecnologia que maximiza a eficiência energética e a densidade da infraestrutura sem comprometer o desempenho é fundamental para as operações modernas e sustentáveis do Data Center”, disse Kuba Stolarski, vice-presidente de Pesquisa da IDC Enterprise Infrastructure Practice. “O portfólio da Dell oferece às organizações de todos os tamanhos soluções inovadoras de servidor para atingir suas metas de sustentabilidade, simplificando o gerenciamento e melhorando o desempenho com a geração atual de tecnologia”, finalizou.

 

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.