book_icon

Sencinet conectará hub central da Petrobrás com unidades remotas e plataformas marítimas

A integradora instalará kits de equipamentos para conexão em plataformas marítimas , embarcações e unidades terrestres.

Sencinet conectará hub central da Petrobrás com unidades remotas e plataformas marítimas

A integradora de soluções e serviços gerenciados, Sencinet, foi oficialmente anunciada como vencedora da licitação para a escolha da empresa que realizará a interconexão via satélite entre a estação central (Hub) da Petrobras, no Rio de Janeiro, e todas as unidades remotas marítimas e terrestres da companhia. O contrato por cinco anos prevê ainda o fornecimento, instalação e manutenção dos kits de equipamentos necessários para a operação em localidades offshore (plataformas e embarcações) e onshore (escritórios, refinarias e outras instalações).

O diretor executivo de vendas e marketing da Sencinet, Jayme Ribeiro, explica que um dos principais diferenciais da companhia para apresentar o menor preço e se sagrar vitoriosa na concorrência, é o fato de a empresa oferecer a moderna tecnologia “Spot beam”, por meio da qual, os sinais do satélite são direcionados para pontos específicos na superfície da Terra, ao contrário do modelo tradicional, no qual toda a área de cobertura tem um único feixe.

Com o objetivo de trabalhar com toda esta flexibilidade, a Sencinet realizará investimentos de modernização e expansão do sistema de telecomunicações que a empresa tem no teleporto de Hortolândia, no interior de São Paulo  

“Como a maior concentração de tráfego da Petrobras ocorre nas bacias de Campos dos Goytacazes, e de Santos, por exemplo, vamos usar um feixe específico que cobre a Região Sudeste. Ele entregará maior potência a menores custos. Para as demais regiões do País, utilizaremos a tecnologia tradicional que oferece condições suficientes para as operações da petrolífera”, explica.

Com o objetivo de trabalhar com toda esta flexibilidade, a Sencinet realizará investimentos de modernização e expansão do sistema de telecomunicações que a empresa tem no teleporto de Hortolândia, no interior de São Paulo. Um dos principais movimentos será a instalação de novos equipamentos numa antena de nove metros para que ela aponte na direção dos satélites que operam na tecnologia Spot Beam.

O contrato prevê que a Sencinet entregue uma capacidade média de banda de 240 megabits por segundo ao longo dos cinco anos do contrato, sendo que a maior parte deste potencial será destinada ao atendimento das plataformas de petróleo offshore nas Bacias de Campos e Santos, incluindo o pré-sal. A partir da assinatura do contrato, a Sencinet já iniciou o trabalho junto a Petrobras num cronograma de migração do modelo de serviços anterior de comunicação para o atual.

O fornecimento deste serviço pela Sencinet representa uma quebra de paradigma na forma como a Petrobras desenvolvia sua estrutura de conexão até o momento. Ao longo dos anos, a petrolífera criou uma estrutura totalmente interna com um hub instalado em seu prédio com sede no Rio de Janeiro e uma antena que, na prática, funcionava como um teleporto próprio. A empresa também se responsabilizava pela contratação do segmento espacial e pelos técnicos responsáveis pela operação do sistema.

No novo modelo, a Petrobras apenas comprará o serviço em forma de quantidade de megabits, sem se preocupar com nenhum aspecto da estrutura. O teleporto é da Sencinet, assim como a responsabilidade com os contatos para uso da estrutura espacial. “O novo modelo traz inúmeras vantagens porque a Sencinet tem um teleporto com antenas apontadas para vários satélites diferentes. Desta forma, é possível oferecer um serviço com muito mais qualidade, otimizado e com custo menor”, afirma Ribeiro.

Segundo ele, a conquista do contrato com a Petrobras irá acelerar os planos da companhia de crescimento no segmento offshore no Brasil.

“Existe um mercado robusto para este tipo de operação na costa brasileira formado tanto pelas empresas que prestam serviços para a Petrobras quanto pelas petrolíferas da iniciativa privada que concorrem com a estatal pela exploração do petróleo no País. Essa parceria nos oferece uma musculatura suficientemente forte para oferecer soluções eficientes e econômicas para uma parcela significativa destas companhias”, diz.

A Sencinet é integradora de soluções e serviços gerenciados, que atua no mercado corporativo de médias e grandes empresas. E vem projetando e entregando soluções de comunicação, de missão crítica em toda a América Latina há décadas. Seu portfólio de produtos e serviços SDwan, segurança, Nuvens híbridas, satélites e redes foi projetado para resolver os desafios de conectividade e segurança das corporações. Esses quatro componentes permitem o design de soluções sob medida que ofereçam as melhores condições para viabilizar a digitalização das empresas, a evolução das redes corporativas e aplicações de Internet e Nuvem, com os mais altos níveis de segurança.

Serviço
www.sencinet.com

interconexão via satélite

Jayme Ribeiro

Petrobras

Sencinet

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado.


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.