book_icon

AMD atua junto à equipe da Mercedes-AMG Petronas para melhorar testes aerodinâmicos

Processadores EPYC oferecem vantagem computacional competitiva para o time de Fórmula 1 

AMD atua junto à equipe da Mercedes-AMG Petronas para melhorar testes aerodinâmicos

Os Processadores AMD EPYC ultrapassam barreiras em testes aerodinâmicos, reduzindo pela metade o tempo de carga de trabalho de Dinâmica dos Fluídos Computacional – CFD.

A AMD e a equipe Mercedes-AMG Petronas de Fórmula 1 (F1) mostraram hoje, 19, como os processadores AMD EPYC melhoraram a capacidade de testes aerodinâmicos, contribuindo para que a equipe Mercedes-AMG Petronas vencesse pela oitava vez o Campeonato Constructors na temporada de 2021. Ao usar os Processadores AMD EPYC, a equipe conseguiu uma melhoria de 20% no desempenho das cargas de trabalho de dinâmica de fluidos computacional (CFD – em inglês) que foram usadas para modelar e testar o fluxo aerodinâmico de seu carro de Fórmula 1.

Os Processadores AMD EPYC ultrapassam barreiras em testes aerodinâmicos, reduzindo pela metade o tempo de carga de trabalho de Dinâmica dos Fluídos Computacional – CFD  

“Estamos orgulhosos desta parceria com os atuais campeões do Constructors, a equipe de Fórmula 1 Mercedes-AMG Petronas, operando na vanguarda das corridas e da tecnologia”, afirma Dan McNamara, vice-presidente sênior e gerente geral da Unidade de Negócios de Servidores da AMD. “Para as equipes de Fórmula 1, ter a análise computacional de aerodinâmica mais eficaz pode significar a diferença entre ganhar ou perder uma corrida. Com os Processadores AMD EPYC, a equipe Mercedes-AMG F1 pode renovar no design do veículo com mais rapidez e eficiência do que com o sistema anterior.”

Ao usar Processadores AMD EPYC, a equipe Mercedes-AMG Petronas F1 está expandindo os limites do que é possível com CFD, desenvolvendo aerodinâmica inovadora e custo/benefício necessário para atender às regulamentações orçamentárias estabelecidas pela Fédération Internationale de l’Automobile (FIA). A aerodinâmica é uma das cargas de trabalho técnicas mais complexas entre as equipes de F1 e requer processadores e servidores avançados para executar as análises e benchmarks. Além disso, a FIA desenvolveu uma estrutura complexa que determina quanto desempenho de CFD e tempo de túnel de vento as equipes de F1 podem usar, em um esforço para manter uma vantagem competitiva justa entre as equipes com mais e menos recursos.

“Os Processadores AMD EPYC nos oferecem uma plataforma que traz desempenho aerodinâmico dia após dia no mais alto nível possível, cumprindo nossa meta de tempo de resposta mais rápido para renovação de design”, explica Simon Williams, chefe de software de desenvolvimento aerodinâmico da Mercedes-AMG Petronas F1. “Incrivelmente, obtivemos uma melhoria de desempenho de 20% em relação ao nosso sistema anterior, o que reduziu pela metade nosso tempo de carga de trabalho de CFD. Este é um grande passo em comparação com os últimos ganhos de um ou dois porcento observados nos sistemas anteriores.”

A AMD e a Mercedes-AMG Petronas Formula One Team anunciaram pela primeira vez uma parceria de vários anos em 2020, combinando a paixão das duas empresas pelo desempenho extremo. Para saber mais sobre o trabalho que a AMD e a Mercedes-AMG Petronas Formula One Team fizeram, visite o site.

AMD

Campeonato Constructors

capacidade de testes aerodinâmicos

Dan McNamara

Mercedes-AMG Petronas de Fórmula 1 (F1)

Simon Williams

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TECNOLOGIA

5G impõe seu ritmo

Leia nessa edição sobre carreira

MERCADO

Brincadeira de gente grande

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

GESTÃO

Backup: a última linha de defesa

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

NEGÓCIOS

Terceirização de equipamentos

Maio 2022 | #57 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento