book_icon

Estudo da Ericsson investiga o futuro da manufatura

A maioria das empresas de manufatura espera ser pelo menos 80% automatizada dentro de dez anos, com muitas esperando dobrar o uso de ferramentas habilitadas para TIC

Estudo da Ericsson investiga o futuro da manufatura

A Ericsson IndustryLab vem produzindo uma série de estudos com o tema Future of Enterprises. O último relatório, chamado Rise of the Smarter, Swifter, Safer Production Employee, afirma que a maioria das empresas de manufatura espera ser pelo menos 80% automatizada dentro de dez anos, com muitas esperando ver pelo menos um aumento de duas vezes no uso de ferramentas habilitadas para TIC (Tecnologia da Informação e Comunicação) nos próximos cinco anos. Essas ferramentas incluem software de IA, reconhecimento de vídeo, Realidade Aumentada e Virtual, veículos guiados automatizados (AGVs) e exoesqueletos – uma cobertura externa do corpo, como mãos, braços ou até mesmo trajes de corpo inteiro, que fornece aos funcionários da produção maior força, precisão e resistência.

Conforme refletido no relatório, com o aumento da automação, os fabricantes serão capazes de criar ambientes de trabalho mais seguros e eficientes, algo que também vimos em nossas próprias fábricas

O relatório conclui que a maioria das empresas de manufatura saiu ilesa dos piores efeitos da pandemia global de Covid-19, com 69% relatando um desempenho financeiro inalterado, ou até melhorado, desde o início dos bloqueios.

No entanto, em resposta à acirrada competição global e às constantes pressões para aumentar a produtividade e a eficiência, até oito em cada dez empresas de manufatura dizem que operam atualmente com metas de corte de custos.

Para lidar com esse ambiente exigente e permitir que os funcionários de produção sejam mais inteligentes, rápidos e seguros, os fabricantes estão introduzindo ferramentas de produção de TIC. Essas ferramentas incluem: software de Inteligência Artificial (IA), Realidade Aumentada (RA), co-bots, reconhecimento de vídeo, gêmeos digitais, máquinas e veículos controlados remotamente.

Até sete em cada dez empresas de manufatura dizem que planejam implementar cinco ou mais ferramentas de produção habilitadas por redes sem fio avançadas, como 5G, dentro de cinco anos. “É empolgante ver a conectividade sem fio amadurecer e se tornar um facilitador para que as empresas coloquem suporte avançado de sistema nas mãos das pessoas na linha de frente, no chão de fábrica, na mina e ao longo da cadeia de abastecimento”, disse Sebastian Elmgren, gerente de Portfólio de Fabricação Inteligente da Ericsson. “Conforme refletido no relatório, com o aumento da automação, os fabricantes serão capazes de criar ambientes de trabalho mais seguros e eficientes, algo que também vimos em nossas próprias fábricas, incluindo as fábricas inteligentes da Ericsson 5G nos Estados Unidos, Tallinn e Nanjing, todas equipadas com redes privadas”,comentou.

Os fabricantes que atualmente usam três ou mais ferramentas de produção habilitadas para TIC, definidas no relatório como pioneiros em ferramentas, tiveram um desempenho financeiro significativamente melhor em comparação com aqueles que não usam nenhuma ferramenta. “Ficamos surpresos ao ver que os pioneiros em ferramentas eram progressistas em quase todos os aspectos, não apenas mais bem-sucedidos financeiramente, mas também que desfrutavam de maior satisfação geral dos funcionários e estão liderando em ações de sustentabilidade”, observou Rowan Högman, um dos autores do relatório.

Serviço
www.ericisson.com

“Gêmeo Digital”

Ericsson

Exoesqueleto

IA

manufatura

RA

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento