book_icon

Dia da internet suscita a questão da segurança para todos os usuários

O Dia Mundial da Internet foi criado para promover a inclusão digital; especialista dá dicas de como ter segurança com o aumento da demanda na rede
Dia da internet suscita a questão da segurança para todos os usuários

O cenário de pandemia global com o novo coronavírus está revolucionando a política, a economia, as formas de trabalho e também a comunicação. De acordo com o IBGE, a internet chegou a mais quatro milhões de residências no Brasil entre 2017 e 2018, mostrando que já fazia parte da vida de muitas pessoas. Agora, com o novo cenário, o online tornou-se a principal forma de estar presente, fazer compras, trabalhar e estudar.
Muito antes dos computadores serem inventados, os cientistas já imaginavam uma forma de garantir a comunicação instantânea entre pessoas distantes. Quando o mundo vivia o auge da Guerra Fria, a internet foi criada nos EUA e tinha como função interligar laboratórios de pesquisa e garantir a comunicação entre militares e cientistas, mesmo em caso de bombardeio.

No Brasil, 127 milhões de pessoas estão conectadas à internet, o que representa crescimento de 37% nos últimos 5 anos, segundo a pesquisa TIC Domicílios, do IBGE  

Uma vez atingido este objetivo, a internet foi entregue à comunidade acadêmica e em 1985, já estava estabelecida como uma tecnologia de comunicação entre pesquisadores e desenvolvedores. Nos anos 90, ela sairia aos poucos das universidades e começaria a ser adotada pelo mundo corporativo e por último pelo público consumidor.
No Brasil, 127 milhões de pessoas estão conectadas à internet, o que representa crescimento de 37% nos últimos 5 anos, segundo a pesquisa TIC Domicílios, do IBGE.
Para Paulo Gontijo, professor especialista em segurança da informação do Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI), com o crescimento da internet e o acesso promovido pelo trabalho remoto, é preciso ficar atento cada vez mais à segurança.
“O aumento massivo de usuários exige cuidados mais específicos com a rede. Muitas vezes as redes domésticas podem não ser adequadas para as demandas de agora. Além disso, houve uma mudança no comportamento das pessoas, compras e outras tarefas estão sendo realizadas prioritariamente pela web, então a atenção e o cuidado com a idoneidade dos sites têm que ser redobrados.” afirma Paulo.
O professor destaca que infelizmente pessoas mal intencionadas aproveitam-se de momentos como esse, por isso é preciso estar atento às crianças e idosos que utilizam a rede e também porque cada vez mais os tipos de ameaças e golpes são mais diversificados e criativos.
“As crianças têm a possibilidade de passar mais tempo na rede, por exemplo, pois muitas escolas estão realizando as aulas por programas que utilizam a internet. Para evitar problemas vale, por exemplo, restringir o acesso aos demais sites. O mesmo vale para os adultos, principalmente idosos, que devem redobrar a atenção ao fazer transações bancárias, por exemplo, e checar a veracidade das informações recebidas via aplicativos de mensagens.” finaliza o professor.
Fundado em 2011, o Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI), Instituição de Ensino Superior credenciada no Ministério de Educação (MEC), é uma escola de pós-graduação e especialização profissional a distância em tecnologia da informação, inovação e tecnologias emergentes, tais como Inteligência Artificial, Data Analytics, Big Data, Transformação Digital, Blockchain, Segurança Cibernética, Realidade Virtual e Indústria 4.0, adotando um modelo educacional que oferece ampla interatividade entre alunos e professores e uma nova dimensão de qualidade aos cursos online.

Dia Mundial da Internet

IBGE

Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI)

pandemia global

Paulo Gontijo

pesquisa TIC Domicílios

segurança para todos os usuários

Últimas Notícias
Você também pode gostar

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | GESTÃO

A doce ditadura da Governança de Dados

Leia nessa edição sobre carreira

CARREIRA

Profissões do futuro

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

SETORIAL

Área pública: desafios e lucros

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

LEGISLAÇÃO

LGPD Ano Um: uma construção inacabada

Setembro | 2021 | #50 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento