Canal de Distribuição

Riverbed quer canal capacitado para venda de soluções

Com um recente programa de canal criado, a companhia pretende criar iniciativas para estimular a geração de venda de soluções de performance

Se posicionar como um player global de vendas de solução de performance. Esse é o principal desafio da Riverbed Technology, especializada em Infraestrutura para o Desempenho de Aplicativos. Para isso, a empresa, que há 16 anos é conhecida pela sua solução de otimização da WAN (Wide Area Network), aposta no modelo de vendas indiretos.

O programa se adapta unicamente aos múltiplos modelos de negócios e às necessidades dos parceiros, recompensa a realização de atividades estratégicas-chave e vendas conjuntas.

“Vender performance exige um conhecimento do business do cliente para poder identificar oportunidades”, diz Eduardo J. Costa Lopes, country manager da Riverbed no Brasil. Com o modelo de negócios voltado a venda de soluções, o executivo aposta na força da vendas de canais para aproveitar a demanda de conectividade do mercado corporativo.

Com um recente programa de canal criado, a companhia pretende criar iniciativas para estimular a geração de negócios. O Riverbed Rise é orientado a recompensar todos os tipos de parceiros, considerando seus modelos de negócios e as preferências de consumo de tecnologia de seus clientes.

O programa se adapta unicamente aos múltiplos modelos de negócios e às necessidades dos parceiros, recompensa a realização de atividades estratégicas-chave e vendas conjuntas. Parceiros começaram a ganhar benefícios efetivos no dia 2 de janeiro e permanecerão no nível atual de seu programa até o final de julho, com a implementação completa do Riverbed Rise a partir de agosto. Atualmente, a companhia possui 35 parceiros ativos no Brasil.

Segundo Lopes, as principais verticais que o plano da empresa contempla são varejo, finanças e governo. O executivo destaca que educação é um segmento que oferece oportunidades. A empresa tem na sua base de cliente muitas empresas de grande porte e tem no radar o setor SMB.

ISPs

O mercado de provedores regionais é outra aposta da empresa. A Riverbed fechou recentemente um acordo comercial com a IPv7, consultoria e integradora brasileira especializada no desenvolvimento de projetos de alta complexidade. O acordo visa ampliar o mercado da multinacional no Brasil e se aproximar dos ISPs. A IPv7 vai ser o elo de negociação com os ISPs para a venda das soluções de otimização de rede, SD-WAN, missão crítica e solução wireless.

Com apenas três anos de operação desde a sua fundação em 2014, a trabalha em projetos de cidades inteligentes e de alta complexidade, fomentando a viabilidade técnica e econômica junto aos provedores de serviços de internet. A consultoria já viabilizou cerca de 1.087 projetos de fibra óptica, sendo este número equivalente a 30 projetos por mês. A empresa foi responsável por projetos baseados na tecnologia FTTH (Fiber to the home) atendendo a 1.274 municípios, atingindo a marca de 60.000 Km de cabeamento, levando acesso à banda larga a cerca de 20 milhões de pessoas.

A IPv7 investe parte de seu faturamento em pesquisas nas áreas de datacenter, IoT, cidades inteligentes, BI e redes de próxima geração NGN baseadas em fibra ótica. “A aliança com a Riverbed nasceu do objetivo de estabelecermos negócios estratégicos conjuntos no Brasil a fim de ampliarmos nossas vantagens competitivas junto a segmentos comuns de interesse: Provedores de Internet, Governo e Enterprise”, aponta CEO da IPv7, Droander Martins.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.