book_icon

Fábio Gaia inaugura nova fase na Golden Distribuidora

Executivo é nomeado vice-presidente de IT e tem como missão fomentar negócios em novas áreas; estratégia contempla criação de marketplace para papelarias e para revendas

Fábio Gaia inaugura nova fase na Golden Distribuidora

Em um evento para mais de 50 parceiros, a Golden Distribuidora apresentou oficialmente Fábio Gaia, ex-CEO da Officer, como novo vice-presidente de IT. De volta ao mercado de distribuição, o executivo chega em uma nova fase na distribuidora e tem como missão fomentar novas áreas que devem sustentar a meta traçada pelo CEO da Golden, Davi Saadi: dobrar o atual faturamento de US$ 400 milhões (2016) em cinco anos. Para 2017 a expectativa é de aumentar em 15% o faturamento comparado com 2016.

“Melhor do que fazer o que gosta é voltar a fazer o que gosta. Estou muito feliz com o retorno”, Fabio Gaia

A estratégia, segundo o CEO, considera um crescimento puramente orgânico. “A princípio, pensei em adquirir algum concorrente. Fiquei um ano pensando nisso. Desisti porque a minha empresa é sólida”, destaca. Ele, então, optou por trazer um nome forte para ajudá-lo e a contratação de Fabio se deu no início deste ano. “Temos muita sinergia e o Fábio vai nos ajudar a crescer em segmentos que a Golden não atua”, pontua.

Gaia chega para reformular a estratégia da empresa. Reportará diretamente a Saadi, terá um time composto por 5 pessoas e tem como principal objetivo fomentar novos negócios, trazer “novos dólares”, como afirmou o CEO. Entre as principais estratégias está a criação de novas áreas de negócios voltadas ao setor corporativo.

Davi Saadi apresenta o time de gestores da Golden

Atualmente, a Golden possui unidades de negócios para revendas (que representa 62% do faturamento), indústria, varejo e telecom, governo, corporativo e outsourcing de impressão. Gaia criará novas áreas como computação corporativa, automação e software & cloud. Todas contarão com profissionais de vendas e de operação de produtos. Entre os principais geradores de demanda citados pelo executivo está o mercado de SMB.

Mas o ponto mais visionário da chegada do executivo está na estratégia chamada de Canais Digitais. Trata-se da criação de marketplace para o setor de papelaria e para o mercado de distribuição. No caso das papelarias, a ideia é incentivar a transformação digital nas empresas, que nos últimos cinco anos sofrem muito com os atuais marketplaces dos grandes varejistas. Até o fim do ano, Gaia conta que a Golden lançará uma plataforma para suportar a operação de e-commerce das papelarias. O projeto, batizado de 4.0 papelaria digital, permitirá a inclusão de todos os produtos da loja. A Golden ficará responsável pelo estoque e logística das linhas que distribui. “Essa estrutura trará muito clientes para a Golden”, prevê o executivo.

Profissionais da Golden Distribuidora

A estratégia contempla também a área de revendas. Até o final de 2017, a Golden pretende aderir aos principais marketplaces do mercado, entre eles Walmart, Magazine Luiza, Casas Bahia e Ponto Frio. A intenção é que a Golden se transforme em uma plataforma de comercialização para as suas revendas. “É a visão do distribuidor do futuro. A participação ainda é pouca, mas é tipicamente o ambiente do distribuidor”, ressalta Gaia.

Segundo o CEO da empresa, a Golden não tem legado nessa operação, o que é extremamente positivo para a empresa. “Dessa maneira desenhamos conforme for melhor para a empresa e o nosso canal”. Com 6 mil clientes ativos por mês, a Golden tem seis centros de distribuição espalhados pelo País e conta com quatro escritórios no País.

Canal de distribuição

Fabio Gaia

Golden Distribuidora

marketplace

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.