Tecnologia

Fedora 33 pronto para baixar

Comunidade de desenvolvedores diz que a nova versão foi projetada para simplesmente funcionar

O Projeto Fedora, da Red Hat, lançou o Fedora 33, última versão de sua distribuição Linux, sistema operacional de código aberto, que promete simplicidade, eficiência e novos recursos em Nuvem e Internet das Coisas (IoT). De acordo com Matthew Miller, líder do Projeto, o Fedora Workstation se concentra no desktop e, em particular, é voltado para desenvolvedores de software que desejam uma experiência de sistema operacional Linux simplesmente funcional.

“Esta versão traz o Gnome 3.38 , que tem muitas melhorias. A adição do aplicativo Tour ajuda novos usuários a aprenderem como navegar no sistema. E como todas as nossas outras variantes orientadas para desktop, o Fedora Workstation agora usa BTRFS como sistema de arquivos padrão. Este sistema de arquivos avançado estabelece a base para trazer muitos aprimoramentos em versões futuras”, disse Miller.

O Fedora Cloud Base Image e o Fedora CoreOS estarão disponíveis no AWS Marketplace da Amazon pela primeira vez com o Fedora 33  

Segundo ele, o Fedora CoreOS é uma edição emergente do Fedora. É um sistema operacional mínimo de atualização automática para executar cargas de trabalho em contêiner de forma segura e em escala. Ele oferece vários fluxos de atualização que podem ser seguidos para atualizações automáticas que ocorrem aproximadamente a cada duas semanas. Atualmente, o próximo fluxo é baseado no Fedora 33, com os fluxos de teste e estáveis a seguir. “Você pode encontrar informações sobre os artefatos lançados que seguem o próximo fluxo na página de download e informações sobre como usar esses artefatos na Documentação do Fedora CoreOS”, explicou.

O Fedora IoT , recém-promovido ao status de Edição, fornece uma base sólida para ecossistemas de IoT e casos de uso de computação de ponta. Entre muitos outros recursos, o Fedora 33 IoT apresenta a Plataforma AbstRaction for SECurity (PARSEC), uma iniciativa de código aberto para fornecer uma API comum para segurança de hardware e serviços criptográficos de uma forma independente da plataforma.

O Fedora Spins and Labs tem como alvo uma variedade de públicos e casos de uso, incluindo o Fedora CompNeuro, que traz uma infinidade de ferramentas de modelagem computacional de código aberto para neurociência e ambientes de desktop, como KDE Plasma e Xfce .

“Uma novidade no Fedora 33 é que os usuários do AArch64 podem usar a linguagem .NET Core para desenvolvimento de plataforma cruzada. Melhoramos o suporte para dispositivos Pine64, plataformas NVidia Jetson de 64 bits e dispositivos Rockchip system-on-a-chip, incluindo Rock960, RockPro64 e Rock64”, disse. “O Fedora Cloud Base Image e o Fedora CoreOS estarão disponíveis no AWS Marketplace da Amazon pela primeira vez com o Fedora 33”, revelou.

A nova versão atualizou os principais pacotes de linguagem de programação e biblioteca do sistema, incluindo Python 3.9, Ruby on Rails 6.0 e Perl 5.32. “No Fedora KDE, seguimos o trabalho na estação de trabalho Fedora 32 e habilitamos o serviço EarlyOOM por padrão para melhorar a experiência do usuário em situações de pouca memória”, informou Miller. “Para tornar a experiência padrão melhor, definimos o nano como o editor padrão, que é amigável para novos usuários, mas cada um pode definir o próprio padrão”, disse.

Serviço
https://getfedora.org

 

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos