book_icon

Sistema de Parques Tecnológicos avança com iniciativas para promover inovação no Paraná

Assespro-PR, entidade que representa as empresas de Tecnologia da Informação do Estado, reforça importância do engajamento ao Sistema

Sistema de Parques Tecnológicos avança com iniciativas para promover inovação no Paraná

Com o objetivo de fomentar a inovação paranaense, o Sistema estadual de Parques Tecnológicos e Ambientes Promotores de Inovação (Separtec) programa novas ações para o Estado. O Planejamento Estratégico, aprovado em mais uma reunião do Conselho Estadual de Parques Tecnológicos, validou algumas iniciativas, tais como a oferta do curso de especialização em Gestão de Ambientes Promotores de Inovação (GAPI), o credenciamento de novos ambientes de inovação e a promoção e realização de eventos na área. Outra decisão importante aprovada no encontro foi a mudança de nomenclatura do Sistema: os conselheiros aprovaram o novo nome da entidade como Sistema de Ambientes Promotores de Inovação (Separtec+), que será usado oficialmente em breve.

A Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro-PR), que também atua no fomento do ecossistema paranaense, participa do Planejamento Para o Diretor de Projetos e Negócios Internacionais, Izoulet Cortes Filho, o Sistema é essencial para o Paraná e a nova fase da entidade é mais um marco importante para o avanço da inovação no Estado.

“O Separtec proporciona e impulsiona os ambientes de inovação no Paraná e, desde 2022, quando um novo credenciamento foi aprovado, 188 ambientes de inovação no estado foram incorporados ao Sistema. Foram incluídas incubadoras, aceleradoras e núcleos de inovação tecnológica, o que trouxe um crescimento significativo”, sublinha.

Hoje, esses ambientes credenciados estão presentes em 42 cidades paranaenses, sendo qualificados em 10 categorias. Para este ano, está prevista a abertura de um novo edital para credenciamento de novos espaços.

“Estes ambientes promovem especialmente as interações entre as empresas, relações de pesquisa e as empresas de base tecnológica, onde atua a Assespro-PR, favorecendo a inovação e exploração de transversalidades entre o emprego das tecnologias da informação em outros domínios, áreas, setores e segmentos, favorecendo a Transformação Digital”, comenta Izoulet.

Com 40 anos de atuação no Paraná, a Assespro-PR percorre essencialmente dois dos cinco pilares defendidos pelo Conselho de Ciência e Tecnologia.

“Tratamos com negócios que passam pelo desenvolvimento sustentável e transformação digital, fenômenos tão importantes e indissolúveis aos empresários de TI”, sublinha a presidente da entidade, Josefina Gonzalez.

“O Separtec, agora Separtec+, traz oportunidades ímpares para que os empreendedores do setor tenham maior sinergia com os setores produtivos, tornando possíveis novas dinâmicas de relacionamento entre diferentes atores e fatalmente gerando novos negócios, novas demandas, novas áreas de atuação, novos empreendimentos de base tecnológica e verticalização da tecnologia”, conclui Josefina.

Dessa forma, a Assespro-PR enfatiza a importância do engajamento dos empreendedores aos diversos ambientes inovadores, principalmente porque os espaços oportunizam trocas, networking e prospecções para novos negócios.

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.