book_icon

Software da NTT Data ajuda empresas a cumprirem obrigações fiscais

O Guepardo apresenta uma gama de recursos que automatizam tarefas repetitivas, reduzem os riscos de erros humanos e asseguram a conformidade com as leis e normas fiscais

Software da NTT Data ajuda empresas a cumprirem obrigações fiscais

O primeiro semestre de cada ano é um período crítico para empresas e pessoas físicas em relação às obrigações fiscais. Este período concentra diversas entregas fiscais, incluindo a DIRF (Demonstração do Imposto de Renda Retido na Fonte), ECD (Escrituração Contábil Digital) e Imposto de Renda Pessoa Física, entre outros, gerando uma sobrecarga propensa a erros e atrasos, que podem resultar em multas, sanções ou até mesmo na suspensão de atividades. A complexidade da legislação fiscal brasileira, com suas constantes mudanças e atualizações, torna desafiador para as empresas manterem-se atualizadas e em conformidade. Além disso, muitas empresas enfrentam a falta de tempo e recursos humanos para lidar com todas as obrigações fiscais.

Ao contratar soluções tecnológicas, como o Guepardo, as empresas reduzem significativamente o risco de erros nas obrigações fiscais nesse primeiro semestre de 2024

O risco de erros nas entregas ficais é uma preocupação constante. Em 2023, 1.366.778 declarações do Imposto de Renda ficaram retidas em malha fiscal, popularmente conhecida como malha fina, o que representa cerca de 3,1% do total de declarações recebidas. As consequências para as empresas que negligenciarem as obrigações fiscais são diversas. Além da demora na liberação de restituições, as empresas podem ter que pagar multas e juros, enfrentar processos administrativos e até mesmo suspender suas atividades. Isso gera um impacto financeiro significativo, além de prejudicar a imagem e reputação da empresa.

Em busca de segurança e eficiência durante esse processo, organizações de todos os tamanhos e segmentos estão recorrendo a soluções tecnológicas, como o Guepardo, da NTT Data. Este software, que é responsável pelo processamento do equivalente a 9% do PIB brasileiro, e apresenta uma gama de recursos que automatizam tarefas repetitivas, reduzem os riscos de erros humanos e asseguram a conformidade com as leis e normas fiscais, além de garantir maior segurança para os dados fiscais da empresa e aumento da produtividade da equipe de contabilidade.

“O Guepardo não apenas simplifica, mas transforma os processos financeiros, visando uma redução significativa nos custos e aumento nas margens de lucro das organizações. Não estamos falando somente sobre uma resposta à demanda por eficiência financeira e tributária, mas também uma solução crucial para mitigar os riscos associados às entregas fiscais” diz Sérgio Oliveira, VP de Software da NTT Data.

O software possui 9 módulos específicos para cada necessidade, como por exemplo o Guepardo Tax, plataforma de análise, apuração de impostos e geração de obrigações acessórias de abrangência federal, estadual e municipal, que garante a cobertura dos principais impostos e obrigações acessórias brasileiras, atendendo também a diversos cenários específicos de regimes especiais e benefícios.

Para outras necessidades, a NTT Data conta com o Guepardo e-Invoicing para geração, recepção e registro de documentos fiscais; e o Guepardo Process Automation, que emprega tecnologias de RPA (Robotics Process Automation) e ML (Machine Learning) para automação de tarefas repetitivas, auxiliando os usuários a executar cargas intensas de processamento e evitando erros, dando também visibilidade das etapas de cada processo, entre outros.

Capaz de automatizar em até 70% as rotinas dos principais operadores do Comércio Exterior – como Tradings, Despachantes Aduaneiros e Agentes de Carga -, a NTT Data possui em seu portfólio o Guepardo Global Center, uma plataforma de gestão de alta performance voltada para o controle e automação de processos operacionais, com a finalidade de reduzir custos e promover crescimento sustentável.

Ao contratar soluções tecnológicas, como o Guepardo, as empresas reduzem significativamente o risco de erros nas obrigações fiscais nesse primeiro semestre de 2024 e evitam os impactos negativos que isso pode causar, garantindo a regularidade fiscal de seus negócios.

 

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.