book_icon

Intel apresenta novos diretores para a América Latina

Cargos foram criados dada a relevância que a região tem ganhado no setor de Tecnologia

Intel apresenta novos diretores para a América Latina

Para atender melhor seus clientes regionais, a Intel está passando por mudanças organizacionais. A reorganização da estrutura na América Latina se dá diante da importância que o Brasil e os países hispano-americanos têm assumido no setor de tecnologia a nível global. Diante deste contexto, a empresa acaba de anunciar novos cargos para três executivos: Marcelo Bertolami se torna diretor de Parceiros e Tecnologia para a América Latina; Juan Casal passa a ser diretor de Telecomunicações e Empresas Digitais da América Latina; e Adrián De Grazia, assume o cargo de diretor de Vendas Digitais para as Américas.

Todos eles reportarão diretamente para Gisselle Ruiz Lanza, ex-Diretora Geral da Intel Brasil que assumiu a diretoria Geral da Intel para a América Latina em abril do ano passado.

Marcelo Bertolami tem mais de 30 anos de experiência, dos quais os últimos 17 são na Intel. Na empresa, atuou em vários cargos e antes da mudança realizava a direção geral dos países emergentes da América Latina. Nessa nova função, como Diretor de Parceiros e Tecnologia da América Latina, ele será responsável por gerenciar as contas de fornecedores independentes de software e OEMs para IoT, e também liderará as equipes de arquitetos de soluções em nuvem e especialistas em soluções técnicas. Esta mudança pretende trazer um foco maior para as áreas de Data Center, IA, Redes e Edge, tecnologias essenciais para consolidar a Intel ainda mais como uma empresa focada em dados – os ativos mais valiosos deste século.

“A formação dessas novas equipes é a chave para acelerar a Transformação Digital na América Latina, a fim de ajudar nossos clientes a resolver seus desafios de forma abrangente, do Edge à Cloud, com uma ampla gama de soluções adaptadas às suas necessidades. Buscamos dar um passo importante na criação de um Centro de Excelência para a transformação digital”, afirma Bertolami.

Juan Casal ingressou na Intel em 2018 e tem mais de 12 anos de experiência em desenvolvimento de negócios para o mercado de TI e Telecomunicações. Antes, Casal ocupava o cargo de diretor Comercial de Empresas e Governo para os países emergentes da América Latina, e agora foi promovido a diretor de Telecomunicações e Empresas Digitais para toda a América Latina. Na nova função, ele irá liderar a equipe regional de telecomunicações, onde apoiará as principais operadoras de Telecom, e também será o responsável pelo relacionamento com Empresas Digitais, para cobrir negócios como unicórnios e empresas que cresceram em importância para econômica regional e global nos últimos anos.

“É um privilégio poder enfrentar este desafio, no qual poderemos aprofundar e aprimorar ainda mais nosso trabalho com as principais operadoras de telecomunicações, em um momento chave na rampa para a conectividade 5G e, ao mesmo tempo, adicionar foco em outra parte estratégica desta cadeia de valor: as principais empresas digitais da América Latina, que são, sem dúvida, o que marcará o crescimento e o desenvolvimento socioeconômico da nossa região nos próximos anos” conta o diretor.

Adrián De Grazia faz parte da empresa desde 1998, onde ocupou diferentes cargos gerenciais e executivos na área de vendas e canais, para o Brasil e outros países da região. Nos últimos 3 anos, o executivo vem atuando como Diretor Geral da Intel na Argentina – cargo que ele irá manter, mas assumirá também como diretor de Vendas Digitais para as Américas. Nesta função, ele será responsável por fornecer uma cobertura para os principais clientes da América Latina e América do Norte, além de construir relacionamentos usando canais sociais e digitais, que se tornaram os principais meios de contato entre as empresas.

“Hoje, tanto os compradores quanto os clientes B2B acessam informações principalmente por meio de Canais sociais e digitais ao tomar decisões. É por isso que estamos fornecendo cobertura e suporte para que eles adotem as melhores tecnologias, para isso usamos ferramentas de Business Intelligence e gerenciamento de relacionamento com o cliente para melhor atendê-los. Consideramos vital que nossos parceiros possam escalar seus negócios em todo o continente”, diz Adrian.

As mudanças já entraram em vigor desde o início do mês de fevereiro. Todos os executivos irão reportar-se a Gisselle Ruiz Lanza, junto a Claudia Muchaluat, diretora Geral da Intel Brasil e Santiago Cardona, diretor geral da Intel nos países hispano-americanos, que também respondem à Ruiz Lanza.

Serviço
newsroom.intel.com.br
intel.com.br

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.