book_icon

IA e Iot geram inteligência de mercado para varejistas e a indústria

A integração das cadeias de produção possibilita ganhos de eficiência com cooperação em tempo real

IA e Iot geram inteligência de mercado para varejistas e a indústria

Ajustes milimétricos na gestão de estoques e no ritmo de produção podem impactar diretamente na rentabilidade de toda a cadeia de produção. A utilização de ferramentas com Inteligência Artificial (IA) e Internet das Coisas (IoT) permite que a demanda seja monitorada em tempo real, oferecendo uma série de dados de inteligência de mercado para varejistas e para a indústria.

A aplicação de tecnologias faz com que indústria e varejo sejam sócias na gôndola, atuando em sintonia para garantir a oferta de produtos de maneira equilibrada

Para Raul Colcher, membro sênior do Instituto dos Engenheiros Eletrônicos e Eletricistas (IEEE), organização profissional dedicada ao avanço da tecnologia, explica os benefícios das inovações tecnológicas. “A integração das cadeias de produção por meio de ferramentas como IA e IoT pode proporcionar muitos avanços, indo desde os fornecedores de insumos, passando pelas indústrias, cadeia de distribuição e varejo, chegando ao consumidor final. Isso possibilita ganhos de eficiência com cooperação em tempo real, permitindo uma gestão integrada da produção, distribuição e estoque, além de reduzir desperdícios e outras perdas”, afirma Colcher.

A cooperação em tempo real na cadeia de produção traz ganhos para todos os envolvidos. A indústria pode adequar sua produção de acordo com a demanda, levando em conta fatores sazonais e eventuais flutuações. No varejo, a gestão mais eficiente do estoque permite mais rentabilidade para a operação. “A aplicação de tecnologias faz com que indústria e varejo sejam sócias na gôndola, atuando em sintonia para garantir a oferta de produtos de maneira equilibrada. Isso se traduz em redução de custos operacionais, aumento da lucratividade e preços mais atrativos para o consumidor final”, analisa Colcher.

No campo das relações B2C, há uma verdadeira revolução no relacionamento com o cliente. As atividades de marketing, vendas e atendimento ao cliente passaram e continuam passando por grandes transformações, potencializadas por tecnologias e ferramentas emergentes, tanto nas lojas físicas quanto nas vendas virtuais. “Um dos maiores desafios para o varejo hoje é capturar a atenção do cliente, seja em meios físicos ou digitais. A criação de promoções personalizadas, levando em conta dados como geolocalização e hábitos de consumo, é uma forte tendência”, finaliza Colcher.

Serviço
www.ieee.org

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento