book_icon

Iron Mountain: indústria de armazenamento de informações e Dados pode reduzir emissões de CO2

Como mostrado na COP27, o setor está desempenhando um papel importante na maioria das emissões de escopo 3 e os fornecedores precisam mostrar suas credenciais de sustentabilidade

Iron Mountain: indústria de armazenamento de informações e Dados pode reduzir emissões de CO2

Com a descarbonização como tema principal, a COP27 – Conferência da Organização das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, realizada no Egito, encerra neste sábado (19), mas o mundo está “significativamente atrasado” para cumprir as metas do Acordo de Paris, segundo o Programa Ambiental da ONU. “Para garantir que cheguemos ao carbono zero e evitemos o aumento da temperatura global, as empresas de todos os setores precisam reduzir rapidamente suas emissões”, disse Randeep Somel, vice-presidente e chefe global de Comunicações e Sustentabilidade da Iron Mountain.

O executivo enfatiza como o uso da tecnologia e de ferramentas digitais pode representar uma proporção significativa da pegada de carbono de uma organização em um mundo no qual a infraestrutura de armazenamento é cada vez mais predominante. De acordo com a Agência Internacional de Energia, Data Centers e redes de transmissão de Dados são responsáveis por quase 1% de todas as emissões de gases de efeito estufa (GEE) relacionadas a energia.

“Além disso, as empresas também podem ter um impacto ambiental negativo se não descartarem adequadamente a tecnologia usada em seus escritórios. Equipamentos como laptops, celulares e impressoras estão sendo atualizados com mais regularidade do que nunca. Dessa forma, o lixo eletrônico é o tipo de lixo que mais cresce no mundo, com impressionantes 50 milhões de toneladas produzidas a cada ano. E as empresas precisam pensar em como reduzir a quantidade de lixo eletrônico que criam durante seus esforços de Transformação Digital considerando opções de reutilização e reciclagem quando seus equipamentos se tornam obsoletos”, afirma Somel.

Isso significa que a indústria de armazenamento de informações e Dados tem a oportunidade de fazer parte da solução e assumir a responsabilidade de ajudar as empresas clientes a reduzir as emissões de CO2 e minimizar o impacto ambiental. Nos últimos anos, a Iron Mountain, por exemplo, tem visto um número crescente de empresas de todos os segmentos solicitarem cada vez mais o fornecimento de dados sobre as emissões de escopo 1 e 2 da companhia, de forma que elas possam usar esses dados para calcular suas próprias emissões indiretas de escopo 3.

O esforço para reduzir as emissões e mitigar o impacto ambiental deve ser responsabilidade e prioridade de todas as empresas  

A gama de soluções da Iron Mountain, como o Relatório de Benefícios Ambientais do Asset Lifecycle Management (ALM), o Relatório Green Shred e o Iron Mountain Data Center (IMDC) Green Power Pass, oferecem documentação para ajudar as empresas a relatar com precisão suas emissões de escopo 3. Também demonstram como os fornecedores estão trabalhando para atingir suas próprias metas ambientais, seja evitando emissões por meio da reciclagem ou remarketing de seus produtos eletrônicos ou fornecendo um Data Center que utiliza apenas energia renovável. Os fornecedores precisam mostrar suas credenciais de sustentabilidade ao mercado.

De acordo com Somel, as organizações que desempenham um papel fundamental no ecossistema da cadeia de suprimentos das empresas podem ajudá-las a reduzir sua pegada de carbono e, mais importante, equipá-las com dados e insights que garantam que o progresso possa ser medido com precisão e transparência.

Como mostrado na COP27, mais do que nunca a indústria de armazenamento de informações e Dados precisa trabalhar com cada empresa para atingir metas ambiciosas de carbono zero e se comprometer a reduzir as emissões de CO2 nos escopos 1, 2 e 3. Em última análise, com menos de oito anos restantes até 2030 e o relógio em contagem regressiva para a meta de carbono zero do Acordo de Paris em 2050, a responsabilidade de ajudar o mundo a acelerar a transição para uma economia de baixo carbono é das empresas e dos governos

“Com a tecnologia e os Dados desempenhando um papel importante e cada vez maior nas emissões de escopo 3, as empresas que terceirizam serviços de armazenamento de Dados e gerenciamento de informações devem escolher um fornecedor comprometido em desempenhar seu papel no combate às emissões de escopo 3 e, principalmente, em oferecer as ferramentas que permitem progresso seja feito nesse sentido. Esses relatórios devem ir muito além da conformidade com os regulamentos mais recentes. O esforço para reduzir as emissões e mitigar o impacto ambiental deve ser responsabilidade e prioridade de todas as empresas”, conclui o executivo.

Serviço
www.ironmountain.com/br

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento