book_icon

Estudo da Deloitte investiga a maturidade da Nuvem nas empresas

Relatório reflete os sentimentos de 500 profissionais de Nuvem sênior nos EUA, que são tomadores de decisão sobre o impacto da maturidade da tecnologia nas prioridades de negócios e inovação

Estudo da Deloitte investiga a maturidade da Nuvem nas empresas

A Deloitte divulgou nesta quarta-feira (22/6) as conclusões de seu relatório “O futuro da Nuvem nos EUA: fechando a lacuna de estratégia, tecnologia e inovação”, que reflete os sentimentos de 500 profissionais de Nuvem sênior nos EUA, que são tomadores de decisão sobre o impacto da maturidade da Nuvem nas prioridades de negócios e inovação. Em média, há uma lacuna de inovação de 14,5 pontos percentuais entre as prioridades estratégicas estabelecidas da tecnologia da informação para a Nuvem e onde e quanto as organizações realmente estão conseguindo inovar com essas novas tecnologias.

A pesquisa classificou os participantes em quatro perfis organizacionais (Líderes, Condutores, Moderados e Esperançosos), dependendo de como eles classificaram suas prioridades estratégicas e até que ponto relataram um alto nível de sucesso em impulsionar a inovação nessas prioridades.

É imperativo que as organizações priorizem o gerenciamento de riscos de segurança na Nuvem para executar com confiança suas estratégias e navegar em um cenário de ameaças em constante evolução

O valor relatado da Nuvem varia amplamente entre os diferentes serviços de Nuvem. Por exemplo, os Líderes ganham mais valor do que os Esperançosos com os seguintes serviços:

– 10 vezes mais valor do Blockchain
– 5 vezes mais valor de AR e VR
– 3,5 vezes mais valor dos contêineres
– 2,9 vezes mais valor do nativo da Nuvem
– 2,3 vezes mais valor da segurança cibernética
– 1,7 vezes mais valor de IA e ML

“Investimentos propositados em Nuvem geram resultados impactantes. Isso inclui a aceleração do ciclo de vida de desenvolvimento de produtos, margens melhores e maior eficiência”, disse Chris Thomas, diretor da Deloitte Consulting LLP. “Curiosamente, os Líderes investiram intencionalmente – mas não necessariamente mais – do que Condutores, Moderados e Esperançosos. No mercado de hoje, o investimento intencional inclui a aquisição e retenção de talentos de engenharia de software para maximizar a flexibilidade e a vantagem das estratégias de Nuvem. Isso é relevante no atual mercado em que a implementação eficiente de capital com retorno de curto prazo sobre o investimento é uma prioridade”, comentou.

No geral, 88% dos tomadores de decisão pesquisados ​​acreditam que a Nuvem é a “pedra angular de [sua] estratégia digital”, e as organizações que usam a Nuvem como um “multiplicador de força” estão percebendo um valor significativo de seus investimentos. A Nuvem também é creditada como um fator-chave para impulsionar a receita e solidificar uma forte posição no mercado.

Da mesma forma, a maioria (89%) considera “aumentar a eficiência e a agilidade” como a principal prioridade estratégica para suas organizações ao usar a Nuvem, e os entrevistados concordam que a Nuvem está agregando valor nessa área, assim como em muitas outras. Enquanto os Líderes (95%) estão inovando com sucesso nessa área, os Esperançosos (80%) são mais brandos em termos de resultados de inovação alcançados. A mesma desconexão se aplica à criação de novos produtos líquidos ou receita de serviços, com quase todos os Líderes (97%) alcançando resultados de inovação e os Esperançosos atrás deles (61%).

Mais investimentos

No geral, os investimentos em Nuvem devem aumentar de 6 a 19%, de acordo com mais da metade dos tomadores de decisão de Nuvem pesquisados ​​- e mais de um terço dos entrevistados planeja aumentar seus gastos em 20% ou mais.

“À medida que avançamos além da migração para a Nuvem, para a próxima fase, nossa lacuna de inovação recém-identificada será um marcador importante para os tomadores de decisão de TI, à medida que determinam onde investir seus futuros gastos na Nuvem”, disse Cathleen Domes, diretora administrativa da Deloitte Consulting LLP. “Os tomadores de decisão devem permanecer focados na eficiência e agilidade, bem como na otimização de custos, mas também devem priorizar o desenvolvimento de novas ideias, abordagens e metodologias para avançar em suas estratégias gerais de inovação”, completou.

As principais descobertas adicionais deste relatório incluem:

Os líderes dizem que os investimentos em Nuvem estão gerando resultados positivos em todas as medidas estratégicas e a taxas muito mais altas do que as dos Esperançosos

– Reduzir ou otimizar custos; Líderes (96%) versus Esperançosos (59%).

– Desenvolver novas ideias, abordagens ou metodologias; Líderes (97%) versus Esperançosos (63%).

– Expandir a receita de produtos/serviços existentes; Líderes (95%) versus Esperançosos (63%).
Criação de novos processos operacionais ou fluxos de trabalho; Líderes (97%) versus Esperançosos (73%).

– Mitigação de riscos regulatórios e de negócios; Líderes (97%) versus Esperançosos (69%).

– Expansão para novos mercados; Líderes (96%) versus Esperançosos (44%).

– Proporcionar uma melhor sustentabilidade em apoio às questões ambientais; Líderes (90%) versus Esperançosos (41%).

A adoção de várias Nuvens agora é uma estratégia essencial para quem investe em Nuvem, com a maioria (79%) dos entrevistados usando dois ou mais provedores

– Os benefícios mais importantes citados de uma abordagem Multicloud incluem acesso a mais opções de serviços, escalabilidade de aplicativos e processamento de dados e maior flexibilidade/alavancagem de negociação.

As Nuvens do setor estão prontas para transformar o mercado com soluções exclusivas e personalizadas

– 95% de todos os entrevistados concordam ou concordam totalmente que as Nuvens do setor serão o facilitador/catalisador para a transformação e automação de processos de negócios específicos do setor.

– A segurança cibernética continua sendo uma prioridade para todos os líderes de negócios ao desenvolver estratégias de Nuvem.

– 91% dos entrevistados atualizaram suas estratégias comerciais e operacionais para abordar a segurança, os riscos e os controles da Nuvem, e 83% dizem que seus investimentos na Nuvem estão gerando resultados positivos relacionados à mitigação de riscos regulatórios e de negócios.

“As plataformas e adoções baseadas em Nuvem são fundamentais para a Transformação Digital, permitindo que as organizações se concentrem em oportunidades baseadas em resultados, incluindo tomada de decisão aprimorada, força de trabalho capacitada, inovação e iniciativas de negócios aceleradas”, disse Vikram Kunchala, líder de Nuvem Cibernética da Deloitte Risk & Financial Advisory. “É imperativo que as organizações priorizem o gerenciamento de riscos de segurança na Nuvem para executar com confiança suas estratégias e navegar em um cenário de ameaças em constante evolução”, finalizou.

Serviço
www.deloitte.com

Deloitte

Esperançosos

Estudo

líderes

Moderados

MultiCloud

Nuvem

segurança

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.