book_icon

Gastos do governo devem crescer 5% no mundo este ano, diz Gartner

Qualquer coisa como serviço (XaaS) está ganhando popularidade em organizações governamentais, pois oferece melhor retorno sobre o investimento, tornando o orçamento de TI mais previsível

Gastos do governo devem crescer 5% no mundo este ano, diz Gartner

De acordo com estimativas do Gartner, os gastos governamentais com TI em todo o mundo devem totalizar US$ 565,7 bilhões em 2022, um aumento de 5% em relação a 2021. “Os últimos anos de desafios pandêmicos duradouros mobilizaram uma onda de atividades de Transformação Digital em organizações governamentais em todo o mundo”, disse Daniel Snyder, analista-diretor do Gartner. “Os governos estão executando atividades inovadoras, aproveitando a tecnologia para otimizar serviços digitais, avançar nos processos de automação e evoluir as experiências dos cidadãos”, explicou.

A pandemia acelerou a adoção do setor público de soluções em Nuvem e o modelo XaaS para modernização acelerada do legado e novas implementações de serviços

Em 2022, os gastos governamentais com TI devem aumentar em todos os segmentos, exceto serviços internos (-2,1%) e serviços de telecomunicações (1,1%). Continuando a tendência de 2021, o software deverá registrar o crescimento mais forte em todos os segmentos em 2022, com faturamento de US$ 162,2 bilhões, um crescimento de 10,4% em relação ao ano anterior. Para 2023, este segmento deve cresce 12,8%. Os governos continuam a investir em softwares de aplicativos críticos que suportam diretamente as interfaces do usuário final, impulsionando um forte crescimento neste segmento.

Por outro lado, como a modernização do legado continua sendo uma prioridade nas organizações governamentais, o crescimento no segmento de sistemas de Data Center continuará a desacelerar durante o período de previsão. Em 2021, os gastos com Data Centers somaram US$ 25 bilhões, um crescimento de 7,3%. Para este ano, a estimativa é de faturar US$ 26,1 bilhões, um incremento de 4,2%; e em 2023 o segmento movimentará US$ 26,6%, crescimento de 1,9%.

Qualquer coisa como serviço (XaaS) está ganhando popularidade em organizações governamentais, pois oferece melhor retorno sobre o investimento, normalizando os gastos de TI ao longo do tempo, tornando o orçamento de TI mais previsível, evitando o acúmulo de dívida técnica. O Gartner prevê que, até 2026, a maioria dos novos investimentos em TI das agências governamentais serão feitos em soluções XaaS.

“A pandemia acelerou a adoção do setor público de soluções em Nuvem e o modelo XaaS para modernização acelerada do legado e novas implementações de serviços”, disse Snyder. “Tanto que 54% dos CIOs governamentais que responderam à pesquisa de CIOs do Gartner de 2022 indicaram que esperam alocar financiamento adicional para plataformas de Nuvem este ano, enquanto 35% diminuirão os investimentos em infraestrutura legada e tecnologias de Data Center”, observou.

Com os desafios contínuos de talentos enfrentados pelas organizações, o XaaS torna mais fácil para as organizações governamentais encontrar o talento certo por meio de modelos operacionais XaaS. Os modelos de entrega XaaS exigem diferentes conjuntos de habilidades internas de TI e exigem menos da organização para desenvolver ou adquirir habilidades de TI emergentes, que geralmente são difíceis de encontrar e difíceis de serem pagas pelos governos.

Serviço
www.gartner.com

Data Center

Estudo

Gartner

Governo

serviço

Software

XaaS

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.