book_icon

Termina segunda (24) prazo para emissoras manifestarem interesse em migrar para Banda KU

Transição entre as bandas C e KU é importante para que o sinal dos serviços de 5G na faixa de 3.5 GHz não sofram interferência

Termina segunda (24) prazo para emissoras manifestarem interesse em migrar para Banda KU

As emissoras com sinal de TV aberta e gratuita e as concessionárias de radiodifusão de sons e imagens têm até a próxima segunda-feira (24/1) para comunicar o interesse em fazer a migração da Banda C para a Banda KU — ambas são faixas de frequência utilizadas para a oferta do serviço de internet. A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) abriu o chamamento público no final do ano passado.

A migração para a Banda KU é essencial para evitar possíveis problemas de interferências com os sinais dos serviços de 5G na faixa 3,5 gigahertz (GHz). “A faixa de radiofrequência Banda C tem intensa utilização pelo setor de radiodifusão para levar a TV aberta e gratuita para todo o País. A sua migração para a Banda KU trará a oportunidade de ampliar a capacidade de satélites disponíveis para o setor, possibilitando mais programações à sociedade brasileira”, explica o secretário nacional de Radiodifusão do Ministério das Comunicações (MCom), Maximiliano Martinhão.

A migração para a Banda KU é essencial para evitar possíveis problemas de interferências com os sinais dos serviços de 5G na faixa 3,5 gigahertz (GHz)  

Além disso, de acordo com o secretário, este é um processo fundamental para que as operadoras de telefonia consigam ofertar a tecnologia 5G para os usuários.

Poderão se manifestar no chamamento as entidades que, na data de 27 de setembro de 2021, transmitiam canais com sinal de TV aberta e gratuita, passíveis de recepção por meio de antenas parabólicas (TVRO) na Banda C satelital pelo público em geral. Também podem indicar o interesse, apenas cadastro de dados técnicos pela Anatel, as concessionárias de radiodifusão de sons e imagens que não transmitiam canais com sinal de TV aberta e gratuita, mas que tenham disposição para a transmissão do sinal por meio da Banda KU.

As manifestações, devidamente identificadas, devem ser encaminhadas, por meio do Sistema Eletrônico de Informações (SEI) da Anatel.

5G

Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel)

Banda Ku

Maximiliano Martinhão

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TECNOLOGIA

5G impõe seu ritmo

Leia nessa edição sobre carreira

MERCADO

Brincadeira de gente grande

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

GESTÃO

Backup: a última linha de defesa

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

NEGÓCIOS

Terceirização de equipamentos

Maio 2022 | #57 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento