book_icon

Garantia de Qualidade é parte integrante da entrega de software

O Relatório da Qualidade Mundial entrevistou 1.750 CIOs e outros profissionais de tecnologia sênior, em 10 setores, de 32 países, analisando a qualidade dos aplicativos e as tendências de teste

Garantia de Qualidade é parte integrante da entrega de software

Houve uma mudança significativa em direção a uma abordagem mais orquestrada para Garantia de Qualidade (QA) dos softwares, conforme as organizações estão cada vez mais conscientes de sua importância, de acordo com a 13ª edição do Relatório de Qualidade Mundial 2021-2022, publicado na quinta-feira (30/9) pela Capgemini, Sogeti e Micro Focus. O relatório encontra desenvolvimentos significativos nas principais tendências em Garantia de Qualidade e testes dos softwares, que estão sublinhando a mudança na percepção geral, incluindo Inteligência Artificial (IA), Agile e DevOps e, especificamente, a área em evolução da indústria inteligente.

O relatório conclui que as expectativas em testes e controle de qualidade estão se tornando mais realistas. As principais áreas de foco da estratégia de TI, como melhorar a experiência do cliente (63%), aumentar a segurança (62%), capacidade de resposta às demandas de negócios (61%) e soluções de software de alta qualidade (61%), estão recebendo peso amplamente igual.

Um número considerável de 42% dos entrevistados no relatório também observou planos para atualizar seus laboratórios de teste existentes com recursos em 5G, Internet das Coisas (IoT), IA e sistemas autônomos

De acordo com o relatório, há um desejo crescente entre as organizações de colocar as técnicas de IA e ML em bom uso em seus programas de garantia de qualidade. O estudo conclui que quase metade dos entrevistados (48%) tem um repositório pronto de dados de execução de teste exigidos por plataformas de IA e Machine Learning (ML), 42% dizem que os proprietários de negócios confiam na inteligência fornecida por essas plataformas e 46% dizem que organização está disposta a agir com base na inteligência fornecida pela plataforma IA/ML.

A confiança na IA na garantia de qualidade é alta, os planos são robustos e as habilidades e kits de ferramentas estão sendo desenvolvidos para colocar as técnicas de IA e ML em bom uso em seus programas de garantia de qualidade. Apesar disso, a IA em garantia de qualidade ainda não atingiu um ponto de maturidade. De acordo com o relatório, há uma necessidade crescente de estratégias de teste e habilidades de design de teste para IA, o que indica que as organizações estão começando a entender a complexidade da IA, os desafios em tirar proveito dela e as dificuldades de testar a própria IA.

Agile e DevOps

A adoção de Agile e DevOps em QA e testes é uma tendência contínua, e as empresas já estão colhendo os frutos de colocar maior ênfase em Agile e DevOps, como melhorias na produtividade, qualidade do software e custo. O relatório encontrou um realinhamento significativo nos fatores que os entrevistados consideraram os mais importantes para a adoção bem-sucedida do DevOps, com mais da metade (52%) dos entrevistados reconhecendo as prioridades de negócios como o fator mais importante – um salto de 11 pontos em relação ao ano passado. A camada de tecnologia, por outro lado, caiu em importância – com apenas 49% dos entrevistados colocando-a em primeiro lugar este ano, em comparação com 65% em 2020.

Mas a falta de experiência profissional em testes em equipes ágeis continua sendo um desafio. À medida que os limites entre o desenvolvimento de software e as equipes de teste se confundem, as organizações devem se concentrar na colaboração e na qualificação de todos os funcionários responsáveis ​​pela qualidade.

Testes é inteligente

As equipes de garantia de qualidade logo se tornarão uma fonte de rápido crescimento na indústria inteligente, portanto, há um valor imenso a ser derivado da alocação de tempo, energia e orçamento aqui. O relatório observa que as organizações desejam alcançar a transformação digital e os principais motivadores para a indústria inteligente incluem maior eficiência (47%), maior qualidade (46%), melhor agilidade e flexibilidade (44%) e melhor experiência do cliente (43%). Para conseguir isso, os primeiros passos para as organizações envolvem a adesão da administração e demonstração de viabilidade. Um número considerável de 42% dos entrevistados no relatório também observou planos para atualizar seus laboratórios de teste existentes com recursos em 5G, Internet das Coisas (IoT), IA e sistemas autônomos para facilitar isso. Isso requer um investimento significativo e as organizações precisam se concentrar em investir em produtos e serviços que entreguem o maior valor no menor tempo possível, bem como nas pessoas.

Serviço
www.capgemini.com

5G

Agile

Capgemini

Desenvolvimento

DevOps

IA

IoT

Micro Focus

ML

Software

Sogeti

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | PRÊMIO A ESCOLHA DO LEITOR

As indicações do usuário

Leia nessa edição sobre carreira

CÓDIGO ABERTO

Kubernetes rumo à Nuvem

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

LEGISLAÇÃO

Importações desafiam as empresas

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

COMUNICAÇÕES

5G: Será que agora vai?

Outubro | 2021 | #51 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento