book_icon

Red Hat apresenta versão do Enterprise Linux para ensino e pesquisa

É possível, por exemplo, utilizar o sistema para executar servidores da web ou um ambiente de computação de alto desempenho (HPC).

Red Hat apresenta versão do Enterprise Linux para ensino e pesquisa

A Red Hat, empresa mundial no fornecimento de soluções open source, traz ao mercado uma nova versão do Red Hat Enterprise Linux (RHEL), sistema operacional empresarial baseado em Linux mais utilizado no mundo, focada em instituições acadêmicas e de pesquisa. A empresa passa a oferecer uma versão de baixo custo para essas organizações, possibilitando que passem a fazer parte do programa de subscrições acadêmicas da Red Hat. A novidade torna muito mais fácil para esses setores acessarem, operarem e manterem o RHEL de acordo com suas necessidades. A ampliação do acesso também visa preparar estudantes e outros interessados em tecnologias de código aberto, pensando em futuras oportunidades em áreas relacionadas à TI no mercado de trabalho.

Queremos que esses profissionais tenham acesso à escala e à potência da Nuvem híbrida aberta, que começa com o Linux  

As instituições acadêmicas e de pesquisa vão poder utilizar o RHEL aproveitando toda a gama de aplicações do Linux, e não só para pesquisas e aulas. É possível, por exemplo, utilizar o sistema para executar servidores da web ou um ambiente de computação de alto desempenho (HPC).

“Para nós é fundamental apoiar cientistas, pesquisadores e educadores, que estão se esforçando para realizar descobertas que vão desde a saúde às energias renováveis. Queremos que esses profissionais tenham acesso à escala e à potência da Nuvem híbrida aberta, que começa com o Linux. Esperamos que todas as organizações trabalhem para melhorar a qualidade de vida em escala global e que a base confiável do Red Hat Enterprise Linux possa ajudar nessa missão”, afirma Paulo Bonucci, vice-presidente e general manager da Red Hat para a América Latina.

De acordo com Bonucci, atuar como um motor tecnológico para a pesquisa acadêmica e científica é parte essencial do compromisso da Red Hat com a inovação aberta. “Nós reconhecemos que organizações de pesquisa acadêmica e científica são membros essenciais da comunidade open source e ajudam a gerar a inovação aberta, assim como educam a próxima geração de líderes de TI. Por isso, queremos ser capazes de apoiar todas as organizações destas áreas da forma mais eficaz possível”, reforça.

Paulo Bonucci

Red Hat

Red Hat Enterprise Linux (RHEL)

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento