book_icon

68% das organizações latino-americanas reportaram um incidente de ransomware

O resultado foi revelado a partir de um estudo sobre o tema feito com 1.785 clientes da Veeam espalhados ao redor do mundo
68% das organizações latino-americanas reportaram um incidente de ransomware

A Veeam Software, que atua em soluções de backup que oferecem o Cloud Data Management, revelou que 68% das organizações latino-americanas reportaram um incidente de ransomware nos últimos dois anos. O resultado foi revelado a partir de um estudo sobre o tema feito com 1.785 clientes da Veeam espalhados ao redor do mundo.
“Os números mostram que, apesar do ransomware ser uma ameaça conhecida, as empresas continuam sendo vítimas dessa modalidade à medida que as técnicas dos cibercriminosos evoluem”, comenta Elder Jascola, country manager da Veeam no Brasil. Segundo o executivo, é fundamental que as organizações, de todos os portes e segmentos, estejam preparadas para mitigar os riscos e saber como proceder em caso de um incidente desse tipo.

Veeam 3, 2, 1, uma regra a qual orientamos os nossos clientes a seguir há muitos anos, que é de ter pelo menos três cópias dos seus dados, armazenar estas cópias em duas mídias diferentes e manter uma delas fora do site  
O levantamento mostra que o SPAM por e-mail continua sendo a principal porta de entrada da ameaça nas companhias, com 42% dos incidentes tendo começado por meio desse vetor. Cerca de 33% foram originados a partir de acessos remotos não protegidos. Entre as principais consequências dos ataques do ransomware reportadas estão a perda de dados (25%), o tempo de inatividade (24%) e a perda de produtividade (21%).
Recentemente, o estudo 2020 Data Protection Trends revelou que, no mundo todo, 95% das empresas sofrem paralizações inesperadas, com pelo menos 10% dos seus servidores tendo ao menos uma parada por ano ficando, em média, duas horas inativos. Uma hora de inatividade para uma aplicação de “alta prioridade” custa US$ 67.651, segundo estimativas. A mesma hora para uma aplicação “normal” custa US$ 61.642. Com esses custos de impacto, fica claro que todos os dados são importantes, e que o tempo de inatividade é intolerável em qualquer tipo de companhia.
“O backup continua sendo uma das principais armas contra o ransomware, principalmente quando aliada à Veeam 3, 2, 1, uma regra a qual orientamos os nossos clientes a seguir há muitos anos, que é de ter pelo menos três cópias dos seus dados, armazenar estas cópias em duas mídias diferentes e manter uma delas fora do site”, finaliza Jascolka.

backup

Cloud Data Management

Elder Jascola

organizações latino-americanas

Ransomware

Veeam

Últimas Notícias
Você também pode gostar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | PRÊMIO A ESCOLHA DO LEITOR

As indicações do usuário

Leia nessa edição sobre carreira

CÓDIGO ABERTO

Kubernetes rumo à Nuvem

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

LEGISLAÇÃO

Importações desafiam as empresas

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

COMUNICAÇÕES

5G: Será que agora vai?

Outubro | 2021 | #51 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento