Informe aqui

Paradigma adota método DevOps para otimizar desenvolvimento e entrega de softwares

O novo conceito adotado em engenharia de software, o método de DevOps (Desenvolvimento + Operações) está em crescimento nas organizações brasileiras, de acordo com estudos divulgados recentemente. A pesquisa apontou que 16% das empresas nacionais já usam esse modelo, mantendo o Brasil na quarta posição de aplicação do DevOps nos negócios – estando atrás apenas dos Estados Unidos, Índia e Suíça. Como o próprio nome sugere, o DevOps propõe um alinhamento entre as equipes de desenvolvimento e operações, otimizando processos “dentro de casa”, usando ferramentas e capacitando as pessoas. No final, o resultado é o cliente perceber um valor maior nas soluções entregues, de forma contínua e ágil, e com um alto nível de qualidade e aderência, em relação às empresas que adotam processos tradicionais de desenvolvimento.

Entre as organizações brasileiras que estão adotando o método está a Paradigma Business Solutions. Com sede em Florianópolis/SC, a empresa, que completa vinte anos em 2018, iniciou testes e pilotos para a adoção do método desde 2017. O objetivo é trazer esse novo conceito de interação de todos os players, e agregar maior participação e conhecimento do negócio. Em 2018, a empresa está realizando a implantação completa do método, mas os benefícios já foram identificados desde os testes iniciais e estudos de Pesquisa & Desenvolvimento para implantação do DevOps. De acordo com o Diretor de Tecnologia e Inovação da Paradigma, Rodrigo Werlang, os principais ganhos medidos nos testes feitos até o momento são de processos, qualidade e produtividade, aplicando automação sobre todas as etapas de desenvolvimento de software. “Algumas etapas estavam sendo executadas manualmente, então, as ferramentas vão dar uma agilidade e automação diferente na liberação de software para o mercado, a partir do conceito de DevOps. Hoje, nossos clientes já recebem atualizações periódicas das nossas soluções. Mas, com o novo método teremos ciclos menores e contínuos. Os benefícios reais serão percebidos à medida que a implantação progredir ao longo deste ano”, explica.

O método tem sido cada vez mais usado associado à computação em nuvem. Um relatório mais recente encomendado pela Freeform Dynamics analisou que as organizações que combinam DevOps e ferramentas com base na nuvem conseguem atingir a marca de 81% de melhoria na entrega de software. No caso da Paradigma, a maioria dos novos clientes captados pela empresa já estão usando o software na nuvem e não mais em instalações internas, sem haver a necessidade de investimento em infraestrutura, reduzindo gastos e potencializando a satisfação do cliente. Como consequência, o DevOps também pode ser eficaz na gestão de pessoas, segundo Rodrigo. “Como muitos métodos e tecnologias novas que estão sendo aprendidas, o nosso ambiente de trabalho tem favorecido a retenção de talentos, embora estejamos em busca contínua por pessoas que queiram agregar valor em nossa organização”, diz.

Por ser um conceito, não existe uma única fórmula para aplicá-lo. O método prega a união entre pessoas, processos e ferramentas, com o objetivo de entregar valor para o negócio de uma forma ágil e contínua. “Para implantar o DevOps, um dos fatores-chave são as pessoas. É preciso, portanto, fazer com que elas compreendam a importância e a necessidade de ter um processo ágil, uma entrega de software qualificada e que, no final das contas, isso se reverta em clientes satisfeitos”, enfatiza Rodrigo. “Tudo começa com as pessoas, a revisão de processos, o uso das ferramentas para apoiar, melhorar e dar mais agilidade. Além de mais automação desses processos/técnicos, é possível garantir a qualidade da entrega ao cliente”, complementa.

Atualmente, o DevOps está sendo aplicado como um padrão, adotado pela indústria de software mundial. Junto com a parte de desenvolvimento ágil, o método é usado para oferecer um software de ponta e funcionalidades aos clientes. “É um padrão que está sendo encarado como uma evolução para otimizar e gerar produtividade de desenvolvimento e liberação de software para o mercado”, finaliza Rodrigo.

Sobre a Paradigma Business Solutions

Fundada em 1998 em Florianópolis, a Paradigma Business Solutions atua no desenvolvimento de soluções de relacionamento e negociação eletrônica, com a maior base de portais de compras eletrônicas em operação no Brasil. É pioneira em tecnologia no desenvolvimento de soluções digitais para gestão de negócios em compras públicas, setor privado (SRM – Supplier Relationship Management) e energia (ETRM – Energy Trading and Risk Management), atendendo mais de 300 projetos para organizações privadas e do setor público. Seu centro de tecnologia está baseado em Florianópolis, enquanto o centro de negócios está localizado em São Paulo. Mais informações em: www.paradigmabs.com.br