Mercado

Após o anúncio de saída de Meg Whitman da HPE, ações da empresa caem 6%

Declaração surpreendeu analistas. A partir de fevereiro de 2018, posto fica com atual presidente da HPE, Antonio Neri

O mercado não reagiu bem à notícia inesperada. Depois de 6 à frente da gigante Hewlett Packard Enterprise (HPE), a CEO Meg Whitman anunciou que vai deixar o comando da companhia. Logo após o anúncio, a Bolsa dos EUA viu os papéis da empresa cair mais de 6%. A ideia é que a partir de 1º de fevereiro de 2018 o posto fique a cargo de Antonio Neri, atual presidente da HPE.

Whitman e Neri estarão no conselho, anunciou o comunicado da empresa

Com 25 aos de casa, Neri é um executivo de carreira de formação técnica. O executivo assume a empresa depois de um ligeiro crescimento de 4,6% na receito do último trimestre do ano fiscal de 2017. No entanto, terá que lidar com a queda de 4,7% no faturamento total do ano que chegou a US$ 28,9 bilhões.

Depois de passar quase 10 anos no comando do eBay, Meg assumiu a HP em 2011 e participou de tomadas de decisões estratégicas, como a divisão da operação da empresa em HP Inc, para impressoras e PCs, e a HPE, com a parte de servidores, data centers e tecnologias para o mercado corporativo.

A HPE está no meio de uma reestruturação para reduzir custos, investir em pesquisa e se concentrar em negócios de alta margem de lucro. Segundo a Reuters, a área principal de servidores tem enfrentado dificuldades em um momento em que clientes compram cada vez mais servidores sem marca mais baratos.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.