Mercado

Programa de aceleração da Roche conta com apoio de academia e mercado

Até seis grupos com pesquisas voltadas para a saúde poderão fazer parte do programa ASTRo e participar de oficinas e mentorias para viabilizar a comercialização de suas tecnologias

Para ampliar a sua contribuição com o ecossistema de inovação no Brasil, a Roche, líder global em biotecnologia, em parceria com a FIA (Fundação Instituto de Administração), lança a primeira edição do seu programa de aceleração de grupos de pesquisa brasileiros com foco em saúde, o ASTRo (Applied Science Trail Roche). O objetivo é aproximar pesquisadores acadêmicos e mundo corporativo, por meio de uma série de projetos de capacitação que tornarão viável a comercialização das tecnologias desenvolvidas.

“Temos um propósito claro de fazer agora o que os pacientes precisam hoje e no futuro”, Rolf Hoenger

“No campo da ciência, é necessário transpor as barreiras entre a pesquisa básica e a pesquisa aplicada, para que as inovações tecnológicas possam ser socialmente apropriadas. Com o ASTRo almejamos pavimentar este caminho,” comenta Rolf Hoenger, presidente da Roche Farma Brasil.

“Temos um propósito claro de fazer agora o que os pacientes precisam hoje e no futuro. Queremos nos conectar a projetos inovadores, que estejam alinhados com nossos princípios e possam nos ajudar a responder aos desafios de acesso à saúde no País.”

Durante o processo de aceleração, o grupo de pesquisa elaborará o plano de comercialização da sua pesquisa ou tecnologia, com o apoio de consultores. Após a identificação de mercados potenciais, o grupo de pesquisadores terá oportunidade de interagir com possíveis parceiros e validar a sua estratégia.

O programa contempla ainda desenho de proposta de valor, definição de modelo de negócios; além de workshops, oficinas e mentorias que abordarão temas como mercado, demanda, valor para o cliente, modelo de negócio, difusão da inovação e ecossistema das tecnologias.

Os grupos de pesquisa interessados em participar devem se inscrever no site www.programaastro.com.br até o dia 02 de julho. Serão selecionados de quatro a seis grupos de pesquisa de uma mesma instituição – que pode ser, por exemplo, uma universidade ou instituto de pesquisa, público ou privado – com projetos de pesquisa ou tecnologias em saúde, com potencial de se converterem em produtos ou serviços para a sociedade.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos