book_icon

Empresas adotam gamificação para reduzir o turnover

Independente do porte da empresa, o sucesso caminha ao lado da gestão de pessoas

Empresas adotam gamificação para reduzir o turnover

A gamificação chegou ao mundo corporativo e tem sido uma estratégia para a retenção de talentos pelas empresas. Usar elementos de jogos e mecanismos de jogos para envolver os profissionais caiu no gosto dos colaboradores, é o que revela a pesquisa divulgada pela TalentLMS. O levantamento divulgado em 2019, apurou que 89% dos profissionais afirmaram que a gamificação teve impacto positivo em sua produtividade; outros 83% disseram que se sentem mais motivados com os elementos da gamificação. Daniel Moreira, CEO da Hub4pay, aponta que a estratégia aliada à personalização da campanha contribui para o reforço positivo das marcas.

O cuidado com regulamento também garante segurança jurídica e transparência nos processos

“As empresas estão antenadas com os benefícios da gamificação e é possível traçar uma série de estratégias para engajar os profissionais com a marca de maneira lúdica e leve. Por exemplo, a criação de plataforma de pontos white label, moedas personalizadas para troca de prêmios e experiências, como viagens, cinemas, entre outros, são elementos que tornam as atividades mais motivadoras”, comenta.

O executivo da fintech destaca a importância de, antes de iniciar uma campanha de gamificação, divulgar de maneira clara e objetiva as regras e premiações aos times. “O cuidado com regulamento também garante segurança jurídica e transparência nos processos”, aconselha Daniel.

Turnover
Dados do Índice de Confiança Robert Half, com base no CAGED, apontam que as saídas voluntárias de profissionais qualificados, aqueles com formação superior completa e mais de 25 anos, representam 39% do total de desligamentos em 2023.

“Independente do porte da empresa, o sucesso caminha ao lado da gestão de pessoas. Colocar em prática um sistema de gamificação se apresenta como uma estratégia para motivar e reverter a ‘demissão silenciosa’, pois vai além da recompensar pelo desempenho; é sobre criar um ecossistema onde a excelência é continuamente incentivada, onde cada membro da equipe sabe que seu trabalho é essencial para o sucesso coletivo. A promoção do senso de pertencimento, propósito e valor possibilita a criação de um ambiente que não só atrai talentos de qualidade como os mantém, reduzindo a rotatividade e construindo uma cultura empresarial forte”, destaca.

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.