book_icon

Salesforce anuncia a disponibilidade beta do Einstein Copilot for Tableau

Assistente virtual realiza uma análise automatizada de dados e recomenda perguntas relevantes, orientando o usuário para áreas potenciais interessantes de insights

Salesforce anuncia a disponibilidade beta do Einstein Copilot for Tableau

A Salesforce anunciou nesta terça-feira (2/4) a disponibilidade beta do Einstein Copilot for Tableau, um novo recurso projetado para ajudar os usuários em todas as funções e a explorar dados com assistência de IA. Segundo a empresa, as empresas tendem a distribuir insights a partir de dados em relatórios e painéis criados por analistas especializados. Os painéis criados no Tableau são visuais e interativos, permitindo que os usuários ajustem o escopo explorando caminhos guiados predefinidos. Mas, às vezes, um usuário não encontra a resposta para sua pergunta em um painel. Eles precisam da capacidade de realizar sua própria exploração dos dados sem o pré-requisito para treinamento analítico profundo.

Com o Einstein Copilot for Tableau, os usuários podem se aprofundar em seus dados, utilizando o poderoso mecanismo analítico do Tableau por meio de linguagem natural para consultar e obter insights avançados de fontes de dados, como planilhas, data warehouses locais e na Nuvem e Salesforce Data Cloud.

O Einstein Copilot for Tableau simplifica esse desenvolvimento de habilidades, ajudando qualquer pessoa a se tornar especialista em entender dados e permite que todos na empresa apresentem insights mais rapidamente com IA confiável

Organizações de todos os setores estão em busca de eficiência, melhores tomadas de decisão e estão pedindo a suas equipes que usem novas ferramentas que aproveitem a IA.

– 83% dos CEOs querem que suas organizações sejam mais orientadas por dados, mas apenas 30% dos trabalhadores dizem que suas ações são impulsionadas pela análise de dados.

– Mais de 90% dos líderes empresariais dizem que a IA generativa beneficiaria sua organização.

O Einstein Copilot for Tableau torna a análise de dados acessível a todos os usuários corporativos e até sugere perguntas aos usuários com base na análise dos dados e metadados corporativos, ajudando a reduzir o número de solicitações de alteração e atualizações necessárias dos analistas de dados, resultando geralmente em uma tomada de decisão mais rápida e orientada por dados.

O Einstein Copilot for Tableau também aproveita a camada de confiança do Einstein, oferecendo às equipes de negócios e de dados ferramentas robustas para ajudar a proteger os dados e limitar a exposição a modelos de terceiros. Ao contrário de outros mecanismos de orquestração de IA, o Einstein Trust Layer não retém os prompts do cliente ou as respostas do LLM. Isso ajuda os dados do cliente e proprietários a permanecerem privados.

Após a recente introdução do Einstein Copilot pela Salesforce, o novo assistente de IA do Tableau foi projetado especificamente para casos de uso analíticos. Os recursos do Einstein Copilot for Tableau incluem:

Perguntas relevantes

Como saber por onde começar ao investigar dados? O Einstein Copilot for Tableau realiza uma análise automatizada de dados e recomenda perguntas relevantes, orientando o usuário para áreas potenciais interessantes de insight. Por exemplo, um gerente regional de vendas pode usar perguntas sugeridas como “Existem padrões de vendas em categorias de produtos?” para ajudar a descobrir padrões de vendas sazonais.

Obter a resposta para a primeira pergunta raramente é suficiente. Uma boa análise requer fazer perguntas de acompanhamento e encontrar mais detalhes. O Einstein Copilot for Tableau permite que os usuários iterem e refinem a exploração de dados. Os usuários podem procurar uma visão sem perder o contexto de sua pergunta anterior. Por exemplo, um profissional de marketing pode perguntar quais campanhas estão tendo melhor desempenho e adicionar perguntas de acompanhamento sobre regiões, produtos e canais de distribuição específicos, como se estivesse realmente conversando com seus dados.

Computar métricas e KPIs é uma tarefa fundamental ao analisar dados que muitas vezes exige aprender sintaxe de cálculo complexa. O Einstein Copilot for Tableau orienta os usuários nesse processo. Por exemplo, um usuário pode obter orientação alimentada por IA para analisar informações de um campo de cadeia de caracteres mais longo, como extrair um nome de cidade de um endereço de correspondência completo, ou combinar várias medidas com as agregações corretas para obter um resultado preciso.

“Cada funcionário, em todas as funções, deve desenvolver habilidades fundamentais de dados para ser bem-sucedido na empresa moderna”, disse Ryan Aytay, CEO da Tableau. “O Einstein Copilot for Tableau simplifica esse desenvolvimento de habilidades, ajudando qualquer pessoa a se tornar especialista em entender dados e permite que todos na empresa apresentem insights mais rapidamente com IA confiável. Agora todo mundo é especialista em dados!”, finalizou.

 

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.