book_icon

Proxxima Telecom conta com Eletronet para levar conectividade de qualidade

Operadora aumenta resiliência na rede e diminui latência pela metade para mais de 150 mil usuários por quatro estados no sertão nordestino

Proxxima Telecom conta com Eletronet para levar conectividade de qualidade

Com objetivo de oferecer tecnologia de fibra óptica de ponta e proporcionar uma boa experiência a seus clientes, a Proxxima Telecom contratou solução de transporte de dados da Eletronet para levar alta qualidade e estabilidade no acesso à internet para 120 cidades no sertão de quatro Estados no Nordeste brasileiro. Com apoio da Eletronet, a Proxxima conseguiu diminuir pela metade a latência da transmissão do sinal entre São Paulo e Campina Grande (PB) e aumentar o grau de satisfação de seus clientes, a ponto de tê-los como seus principais divulgadores.

Criada em meados de 2021, a Proxxima é uma operadora sediada em Campina Grande (PB), mas autodeclarada sertaneja, que atua nos estados de Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Ceará, disponibilizando uma gama de planos de conectividade, que vão de 200 MB até 1GB, incluindo serviços de streaming adicionais. Seu foco está no atendimento ao Varejo, mas sua capacidade em diminuir pela metade a latência em relação às concorrentes a fez ganhar destaque entre o público Gamer no sertão.

Com apenas dois anos de atividade, foi a primeira empresa paraibana de qualquer setor econômico a acessar o mercado financeiro para emissão de debêntures, como forma de financiar o seu capital de giro e melhorar a sua estrutura de capital

“Nós entendemos que o mercado está tornando comum o acesso à banda larga e nossos clientes estão ficando cada vez mais exigentes. Entre os pontos que destacamos nos nossos serviços estão a grande estabilidade e a baixa latência. Nossos concorrentes têm ping de 65 a 70 milissegundos no acesso, por exemplo, enquanto na Proxxima ficamos próximos da metade disso. Isso acontece porque nossa conexão viaja por uma rota mais curta pelo cabo OPGW da Eletronet direto de Campina Grande para São Paulo, não precisando ir até Fortaleza e descer para São Paulo por cabos submarinos, acelerando a resposta”, comenta Leonardo Gomes, diretor-presidente da Proxxima.

O executivo se refere à tecnologia Optical Ground Wire ou fio de aterramento óptico, que disponibiliza funções de para-raios em linhas de transmissão de energia, absorção das correntes de curto-circuito e canal de comunicação por meio de um núcleo de fibra óptica. Estas características também influenciam na resiliência e estabilidade do sinal aos 150 mil clientes da Proxxima, atendidos ainda por sua rede própria de 6 mil km e redundância de anéis e polos de roteamento em Campina Grande, Santa Luzia, Natal, Garanhuns e João Pessoa.

Porém, a operadora é reconhecida de forma bastante prática por seus clientes, aponta Gomes. “Somos líderes em todos os indicadores de velocidade e qualidade na nossa região. Nosso foco é o mercado B2C e, em geral, o cliente não tem o entendimento técnico do acesso à banda larga, mas ele percebe na usabilidade a diferença da qualidade do acesso. O gamer nota quando vai jogar que a latência é menor e o sinal melhor, então sabe que conta com uma estrutura diferenciada em nossa rede. Por isso, os nossos clientes são nossos principais divulgadores, recomendando a Proxxima à família e aos amigos”, observa.

Conectividade no sertão

A Proxxima Telecom atende a uma parte do Brasil com significativos vazios de cobertura de Internet, mas grande desenvolvimento econômico e social – dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que, entre 2002 e 2020, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro cresceu 2% ao ano, enquanto a região Nordeste cresceu 2,2%, acima também do desempenho das regiões Sul e Sudeste, com 1,7% cada.

Enquanto empresa ousada nos empreendimentos ou “enxerida por natureza”, como se define de modo bastante sertanejo, a operadora se destaca no mercado com pacotes de serviços competitivos e plano arrojado de crescimento. Com apenas dois anos de atividade, foi a primeira empresa paraibana de qualquer setor econômico a acessar o mercado financeiro para emissão de debêntures, como forma de financiar o seu capital de giro e melhorar a sua estrutura de capital. Esse movimento a permitiu impulsionar os planos de expansão, tanto na aquisição de provedores de internet menores na região para ampliar sua rede, quanto na conquista de novos clientes.

Público interessado em conexão estável, rápida e de qualidade não falta: dados da Anatel apontam que a densidade de conexão à Internet é de duas a três vezes maior nas 120 cidades que a Proxxima atende do que naquelas circunvizinhas ainda fora da sua rede.

“É fato que a rota mais rápida para São Paulo é com a Eletronet e conforme a Proxxima cresce, temos novas demandas por mais circuitos e banda que vão gerar um aditivo ao contrato com a Eletronet, pois não consigo ampliar meu número de acessos sem replicar a experiência que fez da nossa companhia um sucesso. Foi algo que nos surpreendeu quando assinamos o primeiro contrato e uma parceria que pretendemos levar adiante para manter elevado o nível do serviço e satisfação com nossos clientes”, adiciona o diretor.

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.