book_icon

RNP procura parceiros para compartilhamento de Data Centers

Organização pretende estruturar Centros Nacionais de Dados em benefício das instituições do Sistema RNP

RNP procura parceiros para compartilhamento de Data Centers

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa – RNP, lançou uma chamada pública para encontrar parceiros entre empresas que possuam ou operem Data Centers profissionais interessadas em compartilhar sua infraestrutura e firmar acordos de cooperação técnica. Em contrapartida, a RNP oferecerá, para os futuros parceiros, rotas ópticas de longa distância, podendo incluir fibras apagadas de suas redes metropolitanas, de sua propriedade ou de seu direito de uso. A solução de permuta permitirá, assim, gerar um benefício mútuo para a RNP e as empresas.

De acordo com o SCImago Institutions Rankings, que elabora anualmente uma classificação das instituições de pesquisa em todo o mundo, o Brasil é líder na América Latina em volume de produção de conhecimento acadêmico-científico. Com tanto conteúdo sendo produzido, o espaço para armazenamento, incluindo processos de backup, com garantias de qualidade, já são desafios críticos em muitas instituições públicas de todo o País.

As empresas interessadas podem enviar propostas até o dia 16 de junho

“A partir do estabelecimento de parcerias de longo prazo, pretendemos estruturar os Centros Nacionais de Dados – CNDs, em território nacional, apoiando diretamente a educação e pesquisa das instituições do Sistema RNP, colaborando com o avanço científico, tecnológico e do desenvolvimento nacional, sendo uma ação fomentada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – FNDCT. A ideia é constituir ambientes para oferta de serviços, com garantias de segurança, privacidade, disponibilidade, monitoramento e qualidade”, explica Antônio Carlos F. Nunes, diretor de Serviços e Soluções da RNP.

Os CNDs estarão conectados em alta velocidade por meio de uma integração com a Rede Ipê, backbone nacional para ensino e pesquisa, e serão capazes de hospedar equipamentos e oferecer serviços digitais às instituições públicas de ensino e pesquisa de todo o País — universidades, institutos e unidades de pesquisa vinculados ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI e ao Ministério da Educação – MEC.

“Com os resultados obtidos da chamada pública e depois das parcerias estabelecidas, será viável que as instituições integrantes do Sistema RNP utilizem uma infraestrutura confiável, segura e com alta disponibilidade, fora do ambiente acadêmico, a baixíssimo custo, graças ao modelo de permuta e compartilhamento”, conclui Nunes.

As empresas interessadas podem enviar propostas até 16 de junho, pelo endereço eletrônico abaixo.

Serviço
[email protected]

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.