book_icon

Conexões de roaming 5G crescerão 900% em quatro anos, prevê Juniper

Para maximizar os benefícios dos novos serviços de roaming 5G, as operadoras devem investir em 5G NGCs (Next‑generation Core), que são altamente virtualizados

Conexões de roaming 5G crescerão 900% em quatro anos, prevê Juniper

Um novo estudo da Juniper Research descobriu que o número total de conexões de roaming 5G aumentará de 53 milhões em 2023 para 526 milhões em 2027. Esse crescimento substancial exigirá o desenvolvimento de novas ferramentas de roaming que são capazes de identificar autonomamente conexões de roaming à medida que a conectividade 5G prolifera. A pesquisa identificou análises em tempo real baseadas em IA e serviços de mitigação de fraude em roaming como duas soluções críticas que permitirão às operadoras protegerem suas redes contra um influxo de tráfego de dados de assinantes de roaming.

O relatório prevê que os NGCs 5G serão essenciais para permitir que as operadoras lidem com o crescimento de dados de assinantes em roaming

A pesquisa prevê que, em meio ao crescimento de roamers 5G, essas soluções emergentes de análise de tráfego e antifraude devem permitir a identificação e autenticação aprimoradas de conexões de roaming em redes 5G. No entanto, dada a maior complexidade das redes 5G, ele antecipa que os serviços de análise de roaming atuais serão insuficientes para monitorar as conexões de roaming 5G e o subsequente aumento nos dados de roaming móvel.

Para maximizar os benefícios desses novos serviços de roaming 5G, as operadoras devem investir em 5G NGCs (Next‑generation Cores), que são altamente virtualizados e podem avaliar o tráfego e a conectividade com mais eficiência. Ao implementar NGCs, os fornecedores de roaming podem proteger melhor o poder de processamento e as capacidades de sinalização das redes em meio aos níveis crescentes de consumo de dados de roaming. Isso garantirá um nível contínuo de serviço essencial para atrair clientes corporativos que gastam muito.

Crescimento de dados em roaming exigem novos serviços

Além disso, o relatório prevê que os NGCs 5G serão essenciais para permitir que as operadoras lidem com o crescimento de dados de assinantes em roaming, prevendo que o tráfego de roaming de dados 5G crescerá 3.500% nos próximos quatro anos.

“A incapacidade de detectar conexões de roaming que usam largura de banda de rede valiosa corre o risco de diminuir a experiência do usuário para os próprios assinantes da operadora. Para manter serviços de alta qualidade para seus assinantes, as operadoras devem investir em soluções de roaming que possam identificar com eficiência as conexões de roaming que consomem grandes quantidades de dados celulares”, disse Elisha Sudlow-Poole, autora do estudo.

Serviço
www.juniperresearch.com

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento