book_icon

BRK Acelera finaliza programa de mentoria com sete startups focadas em saneamento

Participantes contaram com apoio de profissionais da concessionária para desenvolver tecnologias e soluções para os serviços de água e esgoto no País

BRK Acelera finaliza programa de mentoria com sete startups focadas em saneamento

Engajada em apoiar soluções inovadoras direcionadas ao setor de saneamento básico, a BRK, concessionária privada presente em mais de cem municípios brasileiros, chega ao final da fase de mentoria das sete startups que desenvolveram soluções específicas para o segmento e participaram do programa Waterlution BRK Acelera. A iniciativa foi desenvolvida em parceria com a ONG canadense Waterlution e o centro de inovação Cesar.

O projeto reforça o compromisso da concessionária de apoiar a inovação aberta, com investimentos em novos projetos e a aceleração de ideias capazes de tornar as operações de água e esgoto mais eficientes. Em contrapartida, as startups ainda têm a oportunidade de entender melhor o funcionamento dos negócios relacionados ao setor.

A partir da experiência da equipe da concessionária, os participantes puderam conhecer na prática os desafios desse mercado, o que contribuiu com o aprimoramento e amadurecimento das soluções

O programa teve três meses de trabalho, com apoio de profissionais de diferentes áreas da BRK, e proporcionou a troca de conhecimentos para aprimorar os serviços de água e esgoto no Brasil. A partir da experiência da equipe da concessionária, os participantes puderam conhecer na prática os desafios desse mercado, o que contribuiu com o aprimoramento e amadurecimento das soluções.
“O BRK Acelera é um programa que proporciona trocas de experiências e todos ganham com isso. Essa foi apenas a conclusão de uma etapa. No entanto, o trabalho de apoio e desenvolvimento de startups não encerra por aqui, acompanharemos o desenvolvimento de todos os projetos, com provas de conceito, e estamos empenhados em estimular o crescimento dessas iniciativas. Queremos garantir soluções cada vez mais eficientes para o setor e estamos prontos para receber novas ideias”, reforça Denise Pithan, gestora de inovação da BRK.

Entre as iniciativas participantes do projeto está a O2ECO, um sistema de proliferação de organismos vivos benéficos ao meio ambiente que agem naturalmente no processo de regeneração e despoluição da água. A proposta da solução é auxiliar no tratamento de rios, lagos, lagoas e outros corpos hídricos, como as estações de tratamento de água, sem a utilização de produtos químicos.

Para Luis Magalhães, co-fundador da O2ECO, a participação no programa de aceleração foi fundamental para conhecer de perto os desafios do setor. “Tivemos a oportunidade de olhar para a nossa empresa como um todo, isso nos ajudou a lidar com parceiros e, naturalmente, nos trouxe resiliência para atuar no setor de saneamento. Por meio de uma análise estratégica em nossas mentorias e conexões com atores importantes na cadeia do saneamento, conseguimos acessar não apenas as ‘fraquezas escondidas’, mas também ótimas oportunidades e inteligência de mercado, que abriram e, certamente, vão abrir caminhos para nossa empresa em um futuro próximo”, avalia.

Outras ideias também estão em fases avançadas de estruturação, como a Galax-ia, responsável por uma solução que combate a escassez hídrica e reduz o desperdício de água, e a Time Energy, que investe em softwares e medidores para reduzir o gasto energético nas operações de saneamento. As startups avançaram com suas propostas ao longo do programa de mentoria e provaram o valor do negócio, com isso já garantiram o início da fase de provas de conceito em operações de saneamento da BRK.

“O BRK Acelera ampliou nossa visão a respeito dos desafios que as grandes empresas têm, isso nos permitiu ajustar o nosso produto e modelo de negócio para atender muito bem aos desafios do setor. Agora, iniciaremos um projeto-piloto, para demonstração de resultados e benefícios da nossa solução. Com isso, teremos possibilidade de avançar para a fase de implantação em larga escala”, avalia Felipe Fraporti, co-fundador da Galax.ia.

De acordo com o CEO da Time Energy, Leandro Pereira, o BRK Acelera validou as propostas de solução da equipe e contribuiu com a estruturação de novas ideias. “Quando iniciamos o programa, tínhamos uma visão muito ampla de atuação e, no decorrer do programa, pudemos refinar nosso trabalho. A partir de agora, vamos partir para o desenvolvimento de uma prova de conceito, para acompanharmos a evolução da nossa solução orientada às necessidades do setor de saneamento”, destaca.

O projeto ainda contou com a participação das startups: Elisenia (estação de tratamento de esgoto que utiliza biofiltro com serragem, pedras e minhocas para tratar o esgoto domésticos e efluentes orgânicos de maneira sustentável); NBot (tecnologia de tratamento de água e esgoto por meio de nanobolhas que minimizam o gasto energético das operações); SDW (plataforma que conecta startups, ONGs e iniciativas de responsabilidade social com empresas interessadas em realizar projetos de impacto social relacionados ao saneamento); e Green Energy (transforma o lodo gerado nas estações de tratamento de esgoto em biocombustível e energia verde).

A BRK Ambiental é uma empresa privada de saneamento básico que está presente em 13 estados, beneficiando 16 milhões de pessoas. São 125 cidades que já contam os serviços da companhia, que é a plataforma de saneamento da Brookfield, empresa canadense que está no país desde 1899. Para a companhia, o saneamento básico é a chave para o desenvolvimento social e econômico do Brasil e tem grande potencial de impacto positivo em áreas como a saúde e a educação. Por isso, a BRK e seus acionistas estão comprometidos com um modelo de gestão ESG (da sigla em inglês para Meio Ambiente, Social e Governança), incorporando esta estratégia à tomada de decisões da companhia e à prestação de serviços. A empresa tem também um compromisso com a Diversidade e a Inclusão, sendo signatária do Pacto Global da ONU e dos Princípios de Empoderamento das Mulheres da ONU (WEP’s).

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento