book_icon

Redes pré-conectorizadas podem acelerar tempo gasto para uma ativação

Economia no tempo gasto pode ser utilizado, inclusive, para a efetivação de novos clientes

Redes pré-conectorizadas podem acelerar tempo gasto para uma ativação

Uma das principais apostas do mercado de provedores de internet tem sido as redes pré-conectorizadas. O novo conceito, que tem a premissa de facilitar cada vez mais o trabalho de campo e proporcionar ganhos operacionais aos instaladores, tem como principal benefício o fator celeridade, gerando economia de cerca de 25% no tempo gasto para realizar uma ativação.

O novo conceito, que tem a premissa de facilitar cada vez mais o trabalho de campo e proporcionar ganhos operacionais aos instaladores, tem como principal benefício o fator celeridade, gerando economia de cerca de 25% no tempo gasto para realizar uma ativação  

De acordo com o gerente de tecnologia da Faciliti Telecon, provedor de internet que atua nas regiões de Macabu e Araruama, no Rio de Janeiro, Camilo Martins, o fato de não ser necessário instalar grandes quantidades de caixas terminais ópticas (CTO) em vários pontos da cidade tem contribuído, de forma significativa, para uma agilidade durante as ativações. “Com isso, o trabalho fica mais fácil e consideravelmente mais rápido, já que realizamos instalações de CTOs apenas sob demanda, de acordo com o aumento no número de clientes”, afirma.

Celeridade atraindo mais clientes
Ainda para Martins, que atualmente aumentou em mais de duas centenas a quantidade de clientes à carteira da provedora, desde que implantou a rede 100% pré-conectorizada, em fevereiro de 2022, atribui esse crescimento à praticidade do conceito plug in play (plugar e usar em tradução livre) e um menor tempo para realizar uma ativação.

“Por conta dessa economia de tempo, conseguimos atender e realizar ativações de novos clientes. Ou seja, cada vez mais temos a possibilidade de aumentar o número de assinantes, sempre garantindo a qualidade no nível de sinal de internet”, comenta.

Economia financeira
Já segundo o gerente técnico e comercial da Fibracem, indústria brasileira especializada no setor de comunicação óptica, Sebastião Rezende, além de possibilitar ao provedor mais rapidez na expansão e ativação, os ISPs podem reduzir, de forma significativa – a um médio e longo prazo – os custos com mão de obra na manutenção da rede, por exemplo e gerar ainda mais flexibilidade para realizar investimentos de forma mais escalonada.

“Quando se trata de uma rede pré-conectorizada, a economia no custo da construção e manutenção se dá com a redução significativa de desperdício de materiais, como por exemplo, cabos ópticos, uma vez que o comprimento usado entre CTOs pode ser sob medida”, conclui Sebastião.

Camilo Martins

Faciliti Telecon

Redes pré-conectorizadas

Sebastião Rezende

O seu endereço de e-mail não será publicado.


As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.