book_icon

A Xerox atenua a obsolescência programada

Os dispositivos Xerox protegem o investimento dos usuários com uma proposta de equipamento de qualidade, com funcionalidades sustentáveis que também promovem uma vida útil longa

A Xerox atenua a obsolescência programada

Há vários anos, os consumidores de muitas indústrias vêm lutando contra o tempo de utilização dos produtos eletrônicos que adquirem. Embora o termo “obsolescência programada” ainda não tenha se enraizado 100% na mente do usuário, é bem conhecido e assumido que quando você compra um equipamento eletrônico, ele terá uma vida útil limitada.

A Transformação Digital levou empresas e usuários a adquirir equipamentos para se manterem firmes e na vanguarda de seus negócios e/ou trabalho; o orçamento designado para isso está se tornando cada vez mais significativo devido às capacidades e qualidade exigidas, mas o comprador, nesta busca, considerar e buscar maneiras de fazer seu investimento durar.

A Xerox possui programas de economia circular que promovem dar uma “segunda vida” aos equipamentos que chegaram ao fim de sua vida útil   

No caso do mercado de impressão, a obsolescência planejada está presente há algum tempo. Os equipamentos de impressão e multifuncionais foram limitados a um certo número de impressões, uma vez atingido este limite, eles simplesmente paravam de funcionar e no momento de optar pela reparação, o usuário toma a decisão de adquirir um novo equipamento quando avalia o custo. Sem dúvida, este é um problema econômico que afeta o usuário final.

Além disso, outro dos principais problemas que tiveram que ser enfrentados é o “lixo eletrônico”: O que acontece com todos esses aparelhos descartados por terem chegado ao fim de sua vida útil? Segundo o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA), pelo menos 50 milhões de toneladas de resíduos tecnológicos são geradas a cada ano no mundo todo, um número que poderia aumentar para 120 milhões de toneladas em 2050 se os hábitos de consumo atuais continuarem, como a compra compulsiva ou a redução da vida útil dos produtos.

Os desenvolvedores têm procurado maneiras de apresentar opções ao usuário nas quais, sem sacrificar a qualidade, possam adquirir equipamentos duráveis e sustentáveis. É o caso da Xerox, que, consciente do problema, vem trabalhando no desenvolvimento de equipamentos cada vez mais adaptados às necessidades e à economia do consumidor final. Desde seu início há mais de 60 anos, a Xerox promove o cuidado do planeta: inventou a tecnologia para permitir a impressão e fotocópia em frente e verso, foi pioneira na remanufatura e na reutilização de equipamentos de escritório e toners, entre outras coisas.

Com propostas focadas na proteção do investimento do consumidor, a Xerox desenvolveu equipamentos com características e atualizações contínuas que ajudam a prolongar a sua vida útil, implementando, ao mesmo tempo, processos rigorosos na cadeia de suprimento e na seleção de fornecedores de tecnologia para garantir a qualidade e evitar a obsolescência.

“Os dispositivos Xerox protegem o investimento dos usuários com uma proposta de equipamento de qualidade, com funcionalidades sustentáveis que também promovem uma vida útil longa.” diz Ezequiel Bardas, vice-presidente e gerente geral da Xerox América Latina, que acrescenta: “Sustentabilidade e compromisso com o meio ambiente são elementos-chave no DNA da Xerox. Gostamos de liderar pelo exemplo e transmitir a nossos clientes as ações que colocamos em prática diariamente para ajudá-los a atingir seus objetivos de sustentabilidade.”

Por outro lado, a Xerox possui programas de economia circular que promovem dar uma “segunda vida” aos equipamentos que chegaram ao fim de sua vida útil. A Xerox cuida da sua coleta e realiza um processo de revisão e intervenção para colocá-los novamente em uso com a qualidade e os padrões de um produto fabricado com materiais novos. Atualmente, 100% dos equipamentos Xerox fora de vida útil são remanufaturados, reutilizados ou reciclados e todos os novos registros têm certificação Energy Star.

Desenvolveu o calculador sustentável da Xerox para serviços de impressão gerenciada lMP5.
Juntou-se à coalizão “Electronics Industry Citizenship”.
Desenvolveu o toner EA de emulsão agregada – uma abordagem inovadora e sustentável.
Entre as primeiras empresas a estabelecer uma meta para reduzir as emissões de gases de efeito estufa.

Serviço
xerox.com

Ezequiel Bardas

lixo eletrônico

obsolescência programada

Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA)

Transformação Digital

Xerox

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.