book_icon

Pesquisa da Nice aponta insatisfação com serviços de autoatendimento

Segundo o relatório, 81% dos consumidores dizem que querem mais opções de autoatendimento, mas apenas 15% expressaram um alto nível de satisfação com as ferramentas fornecidas

Pesquisa da Nice aponta insatisfação com serviços de autoatendimento

A Nice, provedora global de soluções para contact centers, apresentou as descobertas de seu Relatório Digital-First Customer Experience 2022, que destacou lacunas significativas entre as percepções da empresa e do consumidor dos atuais canais digitais e de autoatendimento.

Conforme observado no relatório, 81% dos consumidores dizem que querem mais opções de autoatendimento, mas apenas 15% expressaram um alto nível de satisfação com as ferramentas fornecidas a eles hoje, enquanto as empresas acreditam que 53% dos consumidores estão muito satisfeitos com seu serviço de autoatendimento. Isso apesar de 95% das empresas relatarem um grande aumento nas solicitações de autoatendimento em 2021, indicando um rápido crescimento na demanda do consumidor por mais velocidade e conveniência.

Realizamos o Relatório Digital-First Customer Experience 2022 para fornecer às empresas o ponto de vista do consumidor e ajudá-las a definir prioridades que impulsionem experiências sem atritos

O relatório foi desenvolvido para comparar as perspectivas de empresas e consumidores em relação ao autoatendimento e canais digitais, com base nas respostas de 1.320 entrevistados nos Estados Unidos e no Reino Unido. A Nice observou que as expectativas dos consumidores estão aumentando à medida que os canais digitais e de autoatendimento proliferam e evoluem, o que levou as empresas a buscar insights sobre a experiência do cliente e a fidelidade à marca.

O relatório visa atender a essa necessidade, revelando possíveis pontos cegos entre os provedores de serviços e ajudando-os a melhorar suas opções digitais e de autoatendimento. Por exemplo, embora 36% dos consumidores digam que gostariam que as empresas tornassem seu autoatendimento mais inteligente, menos de 11% das empresas estão priorizando isso.

De maneira mais geral, o relatório indica que 95% dos consumidores dão grande importância ao atendimento ao cliente, o que afeta a fidelidade à marca. O autoatendimento online e o fácil acesso aos seus canais preferidos são dois dos principais fatores de atendimento ao cliente em sua decisão em relação à fidelidade à marca. A maioria dos consumidores (57%) entrevistados disse que abandonaria uma marca após uma ou duas interações negativas de atendimento digital, mas a maioria das empresas tende a subestimar a rapidez com que isso pode acontecer. No entanto, a pesquisa mostra que as companhias reconhecem a importância dos canais digitais atuais para os consumidores e estão tentando melhorar sua disponibilidade. Em 2022, os principais canais digitais que as empresas planejam expandir significativamente são chat (47%), acesso ao site (44%) e opções de pesquisa (42%).

“Evitar atritos é o fator chave hoje em moldar opiniões e diferenciar entre marcas que os consumidores amam e aquelas que eles sentem que não valem o seu tempo. Realizamos o Relatório Digital-First Customer Experience 2022 para fornecer às empresas o ponto de vista do consumidor e ajudá-las a definir prioridades que impulsionem experiências sem atritos”, disse Paul Jarman, CEO da Nice CXone. “Enquanto se concentra nas interações digitais, nosso relatório ressalta a importância dos canais assistidos por agentes e de autoatendimento, com as empresas desejando principalmente a capacidade de escolher a opção que preferirem a qualquer momento. Isso confirma a necessidade do CXi (Customer Experience Interactions), uma nova abordagem que se concentra na jornada digital do cliente de ponta a ponta, exigindo uma plataforma completa de experiência que o Nice CXone oferece”, finalizou.

Serviço
www.nice.com

autoatendimento

chat

Contact Center

CXi

NICE

pesquisa

Relatório Digital-First Customer Experience 2022

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.