book_icon

Treetech e DB1 Global Software lançam sistema de ECM reformulado

Lançamento ocorrerá no XXVI Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica; projeto foi feito em 46 mil horas de trabalho

Treetech e DB1 Global Software lançam sistema de ECM reformulado

Em março de 2018, a Treetech, especializada na gestão de ativos e instalações elétricas, contratou a DB1 Global Software, empresa do Grupo DB1 especializada no desenvolvimento de software sob demanda. A ideia foi promover a atualização do seu sistema de gestão de conteúdo empresarial (ECM, na sigla em inglês). Hoje, após quatro anos de parceria e trabalho, a marca anuncia o lançamento do seu mais novo sistema para o mundo.

O lançamento deve ocorrer no XXVISNPTEE – XXVI Seminário Nacional de Produção e Transmissão de Energia Elétrica, que acontece entre os dias 15 e 18 de maio, no Rio de Janeiro (RJ). Na ocasião, as equipes responsáveis pela reformulação do software vão apresentar a dinâmica do sistema e no que consistiu as atualizações.

Hoje, a atualização permite que o sistema opere de forma modularizada e customizável através de plugins  

O analista de negócios da DB1, Fabiano Luiz Dentz Bonvino, já adianta que o projeto de reformulação do ECM, batizado de Sigma ECM 4.0, resultou na reconstrução da plataforma para o modo que é agora. “Hoje, a atualização permite que o sistema opere de forma modularizada e customizável através de plugins”, completa. A interface foi repaginada com foco em usabilidade e experiência do usuário, além de ser implementada a possibilidade de
configurar e classificar alarmes e diagnósticos conforme necessidade.

Antes, a ferramenta se tratava de um ASP clássico, praticamente uma estrutura de bibliotecas básicas para processamento de linguagens de script no lado servidor para geração de conteúdo dinâmico na web. Por conta disso, as regras de negócio e a interface de visualização pertenciam a uma só camada.

Para a Treetech, o grande desafio foi conciliar a bagagem de mais de 20 anos de experiências junto com as tecnologias atuais de desenvolvimento que hoje o mercado oferece. “E isso só foi possível com a Treetech e DB1 trabalhando juntas, com uma estratégia bem disciplinada, para chegar no ponto que está hoje que é a entrega de um produto de qualidade”, comenta o coordenador de desenvolvimento de sistemas da empresa, Neymar Oliveira.

O diretor de engenharia da Treetech, Daniel Carrijo, complementa a fala destacando que a remodelação trouxe uma plataforma construída nas mais modernas tecnologias, “que permite que o sistema opere de forma customizada e que vai adquirir uma capacidade de respostas das necessidades do mercado de uma forma muito mais rápida e de maneira mais assertiva. “Sem medo de errar. Revolucionário”, destaca.

Também presente no lançamento, Fabiano ressalta a felicidade de fazer parte do momento e em poder presenciar “o brilho nos olhos dos stakeholders, depois de tanto esforço para tornar a vida dos usuários mais segura e agradável”.

Para chegar até aqui, foram mais de quatro anos de trabalho, iniciado em outubro de 2018. De lá pra cá, 64 pessoas, entre Treetech e DB1 Global Software, estiveram envolvidas diretamente no projeto, em mais de 46 mil horas de trabalho. No que diz respeito à etapa de desenvolvimento, foram mais de 272,8 mil de linhas de códigos utilizados.

Desenvolvimento que abriu portas
Pensando no mercado em que a Treetech atua, a parceria proporcionou que a própria DB1 Global Software pudesse aprender a dinâmica deste mercado e suas principais oportunidades. “Acreditamos que estamos entregando um produto que será referência e, com isto, promovendo o nome da DB1 Global Software para que alcance novos problemas a serem solucionados, pois é isto que fazemos de melhor”, frisa Fabiano.

E atuar no ramo do setor elétrico, segundo ele, foi um ponto que passou a ser repensado, principalmente por se tratar de um segmento que traz consigo uma série de responsabilidades, que fornece subsídio básico para, por exemplo, residências, escolas e hospitais. “Nós temos uma abordagem um pouco mais preditiva, com uma atenção ainda maior na análise de impactos, volumetria e homologação”, destaca o analista.

Além disso, desde a construção até aqui, o que restou foi conhecimento e a oportunidade de trabalhar com problemas novos. Fabiano garante que o projeto também trouxe um sentimento de importância social por estar fazendo algo de bom para a população de modo geral.

Assim como ele, o sentimento do gerente de projetos da DB1, Cássio Miranda da Costa, é positivo. À frente da gerência do projeto, ele entende que tinha a missão de liderar todo o time e trazer entregas inovadores no mercado. “E hoje, o sentimento é de orgulho e alegria de podermos fazer parte deste marco da Treetech”, frisa. Agora, o gerente destaca que a tarefa é apoiar a expansão do produto no mercado.

Cássio Miranda da Costa

Daniel Carrijo

DB1 Global Software

Fabiano Luiz Dentz Bonvino

Neymar Oliveira

Sigma ECM 4.0

Treetech

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.