book_icon

Três maneiras de alinhar as práticas de gerenciamento de ativos de TI e OT

Essa verdadeira convergência de TI e OT poderia ajudar a centralizar ambas as equipes nas prioridades certas: maximizar o tempo de atividade, a qualidade, a segurança e a eficiência

Três maneiras de alinhar as práticas de gerenciamento de ativos de TI e OT

O avanço das fábricas inteligentes significa que cada vez mais dispositivos de tecnologia operacional (OT) estão conectados à rede. Hoje, mais do que nunca, é possível visualizar e monitorar a saúde dos ativos OT da mesma forma em que é realizado em TI.

É possível, também, observar as relações e dependências entre os ativos de manufatura e OT, reduzindo o risco de que um patch ou mudança relacionado ao OT impacte negativamente o ambiente de produção. Tarefas como patches, por exemplo, podem ser programadas durante períodos de inatividade planejados, quando necessário.

Os conjuntos de habilidades e requisitos técnicos dos ativos de TI e OT ainda podem ser bastante distintos, porém essas equipes podem estar melhor alinhadas   

Uma abordagem unificada
“A oportunidade de criar uma visão unificada da propriedade de TI e OT em um só lugar, por meio de uma abordagem coesa para a gestão de ativos, pode ser considerada um grande passo, dado que silos de TI e OT historicamente levaram ao tempo de inatividade e introduziram risco.”, explica John Dougherty, líder de Manufacturing para as Américas da ServiceNow.

No entanto, os ativos dessas áreas ainda são bastante diferentes — assim como as prioridades das equipes que os gerenciam, cada um possui um conjunto de melhores práticas. Os ativos OT tendem a possuir uma demanda significativamente maior por confiabilidade e disponibilidade do que os ativos de TI, bem como preocupações de segurança e qualidade para priorizar. No entanto, há muitos lugares onde uma abordagem mais unificada pode beneficiar a todos, especialmente quando se trata de segurança.

Ainda que os fabricantes estabeleçam os SOCs (Centros de Operações de Segurança de OT) alinhados com a forma como eles montam seus SOCs de TI, muitos são cautelosos para integrar totalmente essas equipes. Os conjuntos de habilidades e requisitos técnicos dos ativos de TI e OT ainda podem ser bastante distintos, porém essas equipes podem estar melhor alinhadas de três maneiras:

 Processo
O primeiro passo muitas vezes vem do alinhamento das equipes de segurança de TI e OT do ponto de vista do processo. Quando ambas as equipes seguem um fluxo de trabalho consistente, alinhado às melhores práticas e padrões do setor do Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia (NIST), o fabricante tem maior consistência na forma como os incidentes são gerenciados, não importa se o ativo impactado é TI ou OT.

Tecnologia
Em seguida, há uma oportunidade de alinhar os SOCs de TI e OT com tecnologia unificada. Com avanços técnicos como a solução Fujitsu OT Digital Transformation, baseada na ServiceNow Operational Technology Management, agora é possível obter uma visão consolidada de todos os ativos de TI, OT e pontos finais de segurança, em um só lugar.

O alinhamento da tecnologia de segurança de TI e OT cria uma oportunidade para visualizar e priorizar ameaças à segurança em toda a propriedade de TI e OT, além de ver como uma ameaça ou remediação em uma área pode impactar dispositivos dependentes.

Pessoal
Em última análise, também pode haver potencial para alinhar os profissionais que atuam na segurança de TI e OT em uma equipe unificada, com funções especializadas. Essa verdadeira convergência de TI e OT poderia ajudar a centralizar ambas as equipes nas prioridades certas: maximizar o tempo de atividade, a qualidade, a segurança e a eficiência.

Saiba mais sobre como a ServiceNow e a Fujitsu ajudam os fabricantes a maximizar o tempo de atividade do OT.

gerenciamento de ativos de TI e OT

John Dougherty

ServiceNow

ServiceNow Operational Technology Management

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TECNOLOGIA

5G impõe seu ritmo

Leia nessa edição sobre carreira

MERCADO

Brincadeira de gente grande

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

GESTÃO

Backup: a última linha de defesa

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

NEGÓCIOS

Terceirização de equipamentos

Maio 2022 | #57 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento