book_icon

10b cria a Rúmina, ecossistema de soluções digitais para pecuária

A plataforma, que já atende 7 mil fazendas de leite e corte em todo o território nacional, reúne soluções de biotecnologia, SaaS, IoT e Inteligência Artificial

10b cria a Rúmina, ecossistema de soluções digitais para pecuária

A 10b, gestora integrada à SK Tarpon, criou a plataforma Rúmia, um ecossistema digital para a pecuária que já atendem cerca de 7 mil fazendas de leite e corte em todo o território nacional e reúnem soluções de biotecnologia, SaaS, IoT e Inteligência Artificial, voltadas à saúde animal, gestão de fazendas, rastreabilidade e crédito para o produtor.

A tese,que culminou na estruturação da plataforma, começou em 2019 com o investimento na empresa OnFarm, que combina biotecnologia e inteligência de dados para solucionar problemas relacionados à saúde animal, permitindo ao produtor reduzir em 50% o uso de antibióticos e produzir um leite de melhor qualidade. Em 2020, foi feito o investimento na Ideagri, provedora de sistema de suporte à tomada de decisão para fazendas de pecuária e que proporciona aos clientes um incremento na lucratividade. A partir dos dados gerados pelas fazendas clientes da Ideagri, nasceu o IILB, índice de performance produtiva individual do setor de pecuária leiteira, que pontua mais de mais de 2 mil fazendas de acordo com várias métricas produtivas.

Através da Rúmina, queremos liderar essa transformação e impactar positivamente centenas de milhares de produtores no Brasil e na América Latina

Em 2021, a 10b trouxe um time de cientistas de dados para potencializar e criar soluções para o produtor por meio de inteligência de dados. Esse movimento evoluiu para a criação da Rúmina e materializou o uso de IA para auxiliar pecuaristas de todos os tamanhos a produzir mais e de forma mais rentável e sustentável. Nomeada Rúmi, a Inteligência Artificial da Rúmina foi lançada no terceiro trimestre de 2021 a partir de cada uma das soluções do ecossistema e utiliza inteligência de dados para gerar insights acionáveis, predizer chance de cura, avaliar risco de crédito e gerar alertas inteligentes.

“A criação do ecossistema coloca a Rúmina em uma posição única, com a maior e mais relevante base de dados sobre a cadeia da pecuária brasileira. O ecossistema é a materialização da união, articulada pela 10b, de empreendedores, cientistas, produtores e investidores com o propósito de liderar a transformação digital no setor da pecuária”, explica Marcelo Lima, presidente da Rúmina e cofundador da SK Tarpon e da 10b.

Já passam pela plataforma Rúmina cerca de 10% de todo o leite produzido no País. Em 2022 já está contratada a entrada em novos mercados como Argentina, Uruguai e México. A visão da Rúmina é viabilizar uma pecuária sustentável, com aumento da produtividade e redução da pegada de carbono, além de contribuir com o bem-estar animal em mais de 300 mil fazendas de pecuária no Brasil e na América Latina nos próximos 10 anos. “Somente em 2021, evitamos o uso de quase 230 mil doses de antibióticos, evitando o descarte de mais de 7 milhões de litros de leite e geramos uma economia de mais de R$ 17 milhões. Além disso, contribuímos para a melhoria da eficiência produtiva de milhares de fazendas, impactando de maneira única a cadeia”, afirma Laerte Cassoli, co-fundador e CEO da Rúmina.

Com a criação do ecossistema e uma abordagem centrada no pecuarista, com forte investimento em desenvolvimento e ciência de dados, a ideia é capturar sinergias de várias soluções focadas na cadeia da pecuária e no produtor, o que abre ampla possibilidade para ganhar escala.

“O Brasil é um dos principais produtores de leite e carne do mundo e o setor da pecuária passa por um momento de transformação a partir da forte adoção de tecnologias. Através da Rúmina, queremos liderar essa transformação e impactar positivamente centenas de milhares de produtores no Brasil e na América Latina, além de assegurar alimento de qualidade e menor impacto no meio ambiente, muito alinhado com nosso propósito na 10b”, analisa Lima.

Novos Investimentos

Outros 3 novos investimentos foram feitos ao longo de 2021 para a materialização do ecossistema: a Volutech, a Rúmicash e a Bovitech. A Volutech nasceu em 2020 dentro da Universidade Federal de Viçosa (UFV) e utiliza IoT e inteligência de dados para monitorar em tempo real diversos parâmetros do tanque de resfriamento – já monitorando mais de 2 milhões de litros de leite por mês. Já a Rúmicash é uma fintech para a cadeia do leite, fundada dentro do ecossistema no terceiro trimestre de 2021 e que já movimenta uma carteira com R$ 1 milhão em operações financeiras. A fintech utiliza inteligência artificial e análise de dados de dentro e fora do ecossistema para fornecer crédito e adiantamento a produtores de leite, em um processo que leva menos de 10 minutos, sem exigência de garantia.

Como um passo para acelerar o crescimento da Rúmina na pecuária de corte, nasceu a Bovitech, no segundo trimestre de 2021, como um spin-off da Ideagri focada na pecuária de corte, oferecendo um sistema completo de apoio à tomada de decisão. Nos próximos anos, a plataforma deverá integrar novos negócios digitais que gerem valor para o produtor:

“Acreditamos que através da construção de um ecossistema, onde soluções se potencializam e sinergias são exploradas em prol do produtor, conseguiremos acelerar a escalabilidade dos negócios e possibilitar ao setor uma melhor experiência na adoção de tecnologias digitais que sustentarão uma produção mais rentável, produtiva e sustentável” examina Pedro Peixoto, cofundador da 10b e responsável pela tese da Rúmina.

Todas as soluções da Rúmina possuem modelos de negócios de receita recorrente, que em 2022 devem atingir R$ 30 milhões. Uma evidência do valor gerado pelas soluções da Rúmina são as parcerias com os principais laticínios e cooperativas do País como Piracanjuba, Lactalis, Danone, Verde Campo, Scala, Vigor, Castrolanda, Frisia, Capal, entre outros. Além disso, a Rúmina irá lançar no primeiro semestre do ano que vem a plataforma de inteligência de dados Rúmina Insights, para empresas que atuam no setor da pecuária, começando pelo leite.

Serviço

www.10b.com.br

10b

IA

IoT

Pecuária

Rúmina

SaaS

SK Tarpon

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.