Informe aqui

White Label é modelo de negócios vantajoso para revenda de ERP: 5 motivos*

No mundo corporativo, o modelo de negócio White Label, em que o parceiro vende a tecnologia de outra empresa colocando sua própria marca, tem se tornado cada vez mais comum em vários países. E um dos setores que mais se beneficia desse formato de empreendimento é o de tecnologia.

Como os custos de desenvolvimento podem ser altos muitas vezes, a revenda de softwares e serviços de TI pode ser algo muito promissor. Serviços como plataformas de e-commerce e sistemas de gestão empresarial são desenvolvidos assim, em White Label, ou “marca branca”, para que outras empresas ao cliente um serviço de qualidade sem necessidade de desenvolvimento com a sua marca.

Fato é que comercializar um software de gestão empresarial no conceito White Label, dada a tendência de pequenas e médias empresas de adquirir ERPs para facilitar a rotina em busca de maior competitividade, redução de custos e otimização de equipe e recursos, se torna uma iniciativa lucrativa para todos os lados.

É essencial destacar que, em paralelo ao aumento da demanda de clientes, o crescimento do setor também é uma realidade: mesmo com a economia instável, de acordo com dados da Associação Brasileira de Empresas de Software, ABES, de 2017, somos o 9º maior mercado do segmento do mundo. E empresas de hardwares, softwares e serviços cresceram 4,5% no Brasil no ano passado.

Seguir nessa esteira pode ser mais fácil do que se pensa. Mostro aqui que a venda de um software de gestão na modalidade White Label tem, entre outras vantagens:

Produto pronto e de qualidade

Como o ERP já está pronto, basta associar a sua marca ao sistema de gestão em nuvem (saas), com hospedagem em seu próprio domínio. Há a segurança de oferecer um serviço de qualidade, com funcionalidades intuitivas que, por sua vez, contribuem na melhoria da rotina do cliente.

Não precisa se preocupar com a tecnologia

Nesse conceito, a empresa não precisa se preocupar com as inovações tecnológicas e as atualizações. O fornecedor do ERP White Label cuida disso e é o responsável em manter o sistema atualizado.

Suporte para venda

Com White Label, o parceiro precisa se preocupar apenas com a venda e o treinamento. O suporte on-line ao cliente ficará a cargo da empresa desenvolvedora do ERP, que providenciará tudo o que for necessário para que a tecnologia esteja a serviço da empresa.

Renda recorrente e redução de custos

O empresário que revende o ERP White Label tem baixo ou zero custo inicial de investimento, dependendo da forma de cobrança, e estabelece seu plano de valores na parceria. Sem contar que é possível agregar receita recorrente à empresa com rentabilidade de 40% por mês, sem a necessidade de se investir em infraestrutura. Além disso, é mais uma forma de aumentar a cartela de clientes, oferecendo um produto que pode gerar novos negócios.

Segurança e acesso fácil do cliente

A cada módulo contratado pelo cliente, o sistema de gestão se torna sinônimo de segurança e acesso fácil às informações da empresa, controle financeiro, de fluxo de caixa, emissão de recibos. Isso é fundamental para centralizar e agilizar os processos.

* Robinson Idalgo – criador do sistema de gestão on-line. Mais informações no site: www.revendasoftware.com.br

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.