book_icon

Os sites que você acessa são seguros?

Você sabia que o S, do HTTPS no endereço da página, é o que torna o site seguro? Garante, a partir de um Certificado Digital, sessões de transferência de dados criptografadas; desta forma se evita que você se torne vítima de fraudes

Desde a semana passada o Google passou a marcar para os usuários todos os sites HTTP – Hypertext Transfer Protocol – como “não seguros”. Ou seja, todo site sem o S, de segurança, passará a ser identificado para o usuário como inseguro. A explicação é que com a adaptação dos sites não seguros aos padrões de segurança, com o uso do protocolo HTTPS, as pessoas passem a encontrar na web apenas páginas seguras. Desta forma, haverá gradativa redução de páginas inseguras e prevalecerá o padrão HTTPS.
De acordo com Murilo Couto, Gerente Sênior de Certificação Digital da Serasa Experian, o HTTPS (Hyper Text Transfer Protocol Secure) é a versão segura do HTTP. “Parece simples, mas o S no final faz toda a diferença. Para que as pessoas entendam, ao acessar um site é preciso verificar se ele tem a proteção de um Certificado Digital SSL. Uma boa dica é verificar se no browser há um cadeado fechado. Esse ‘cadeado de segurança’ fica em algum lugar da janela do navegador. Clique sobre ele e confirme se o Certificado Digital emitido está válido e em nome do site acessado. Se ao acessar o site estiver apenas as letras HTTP, sem a letra S no final, significa que há riscos e este não é um ambiente seguro para expor os seus dados”.
Os meios considerados seguros para a transferência de dados usam o protocolo HTTPS. Esse protocolo é necessário para se fazer transações online com bancos e sites de compras, por exemplo. O HTTPS criptografa a sessão a partir de um certificado digital”.
Segundo Couto, se o site usar Certificado Digital SSL – Secure Socket Layer -, o navegador consultará o certificado digital e validará três informações: a confiabilidade deste certificado, sua data de validade e a relação entre o certificado e o site que o enviou. Para ele, por conta de inúmeros alertas emitidos por empresas como a Serasa Experian, muitos internautas já adotam há tempos checagens de segurança desse tipo na hora de navegar, consultar bancos ou fazer compras e colocar seus dados nessas operações. “Essa é uma nova novidade positiva, mas muita gente já fazia isso como primeiro passo na verificação de um ambiente seguro”, diz Couto.
De acordo com o mercado, os sites com protocolo HTTPS já vinham sendo favorecidos no ranking de buscas e agora serão explicitamente indicados a partir da marcação de sites não seguros, ou que não tenham o S na URL. “Será mais uma ferramenta em favor da redução de riscos”, considera o gerente da Serasa Experian.
Neste ano, o comércio eletrônico vem crescendo à média de dois dígitos, segundo o E-commerce Brasil. Se todos os sites tivessem Certificado Digital SSL, todos passariam a ter formato HTTPS e estariam aprovados pelo site de busca e, melhor, pelos consumidores. Ou seja, os dados estariam protegidos da ação de hackers e cibercriminosos para esse tipo de ação, que decifra dados das pessoas e os utiliza tanto nos meios virtuais quanto físicos.
Serasa Experian
A Serasa Experian é líder na América Latina em serviços de informações para apoio na tomada de decisões das empresas. No Brasil, é sinônimo de solução para todas as etapas do ciclo de negócios, desde a prospecção até a cobrança, oferecendo às organizações as melhores ferramentas. Com profundo conhecimento do mercado brasileiro, conjuga a força e a tradição do nome Serasa com a liderança mundial da Experian. Criada em 1968, uniu-se à Experian Company em 2007. Responde on-line/real-time a 6 milhões de consultas por dia, auxiliando 500 mil clientes diretos e indiretos a tomar a melhor decisão em qualquer etapa de negócio.
Constantemente orientada para soluções inovadoras, a Serasa Experian vem contribuindo para a transformação do mercado de soluções de informação, com a incorporação contínua dos mais avançados recursos de inteligência e tecnologia.
Para mais informações, visite www.serasaexperian.com.br
A Serasa Experian promove a certificação digital como tecnologia efetiva para desmaterializar processos e eliminar uso de papel, com atributos de validade jurídica, agilidade e praticidade, a serviço da sustentabilidade dos negócios e processos. Para mais informações, acesse: www.certificadodigital.com.br .

Experian
A Experian é líder mundial em serviços de informação. Nos grandes momentos da vida – desde comprar um carro, passando por mandar seu filho para a faculdade, até a crescer o negócio se conectando com novos clientes – nós empoderamos consumidores e empresas a gerenciarem seus dados com confiança. Nós ajudamos as pessoas a tomarem o controle de suas vidas e acessarem serviços financeiros, os negócios a tomarem decisões mais inteligentes e prosperarem, os credores a emprestarem de forma mais responsável e as organizações a prevenirem fraude de identidade e crime.
Empregamos cerca de 16.500 pessoas em 37 países e a cada dia estamos investindo em novas tecnologias, profissionais talentosos e inovação para ajudar todos os clientes a maximizarem cada oportunidade. A Experian plc está listada na Bolsa de Valores de Londres (EXPN) e compõe o índice FTSE 100.
Saiba mais em www.experianplc.com ou visite o nosso hub de conteúdo global para as últimas notícias sobre a empresa.

Assessoria de Imprensa
Eastside23 Comunicação Corporativa
www.eastside.com.br
Eleno Mendonça – 11 996287294

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.