Informe aqui

​​Segurança, chatbots e acessibilidade são o foco do SIDI em conferência de desenvolvedores

Com três palestras e a coordenação de uma das trilhas do evento, o SIDI terá participação ativa em um dos mais importantes encontros de desenvolvedores do país: The Developer’s Conference (TDC) 2018. A edição São Paulo do evento, marcada para o período de 17 a 21 de julho, será realizada na Universidade Anhembi Morumbi, na Vila Olímpia, e terá uma programação intensa, constituída de várias trilhas, workshops e hackathons.

A primeira palestra do SIDI acontecerá no dia 17 (terça-feira), às 11h10, na trilha Segurança. Ramiro Pozzani, da equipe de Segurança Cibernética, abordará o tema Por dentro do Cibercrime Brasileiro, em uma apresentação que incluirá a análise de diversos cases reais. “O objetivo é mostrar como agem e se organizam os criminosos digitais brasileiros, especialmente os que atuam em fraudes financeiras”, explica. Pozzani fará demonstrações do que acontece em um servidor que hospeda phishing, explicará como funciona o sistema de FaaS, ou fraud as a service (aluguel de serviços de fraude), além de analisar malwares e outras formas de ameaça específicas do Brasil.

Um chatbot desenvolvido no SIDI, em parceria com a UFPE – Universidade Federal de Pernambuco, será o assunto de outra palestra, que abrirá a trilha Chatbots na quarta-feira (18/07), às 10h10. Com o tema Chatbot no SIDI: Como desenvolvemos a partir do zero, a apresentação será feita por Frederico Oliveira e Rafael Soares Ferreira, da equipe de Soluções Locais, e abordará os passos, os principais desafios e as lições aprendidas no decorrer desse projeto. “O sistema identifica palavras-chaves na pergunta e busca a resposta apropriada em um banco de conhecimento”, explica Frederico Oliveira. Segundo ele, um diferencial importante do trabalho de desenvolvimento está no uso de ferramentas open source. Além disso, a adoção do conceito de pequenos ciclos de desenvolvimento (sprints), com validações a cada mês, deu mais agilidade ao trabalho.

A terceira palestra do SIDI no evento acontecerá no sábado (21/07), às 14h10, na trilha Acessibilidade. Tatiane Levrero, da equipe de Soluções Locais, falará sobre o tema Qual o papel do usuário no desenvolvimento de aplicações acessíveis? A intenção é contar um pouco da experiência do SIDI nessa área e dos testes realizados no Brasil de um novo aplicativo voltado para pessoas com baixa visão. “Esse trabalho mostrou que a participação ativa do usuário, durante todo o processo, é muito importante para o sucesso do desenvolvimento de aplicações acessíveis”, enfatiza Tatiane. “E os testes de usabilidade, como os que conduzimos, são fundamentais para entender as necessidades específicas desse público”, acrescenta.

Além disso, o SIDI também vem contribuindo com a organização do TDC 2018 edição São Paulo. O colaborador Frederico Oliveira é um dos coordenadores da trilha Management 3.0: Inovação, Liderança e Gestão, que acontecerá na sexta-feira (20/07). A programação elaborada despertou grande interesse por parte do público, tendo ultrapassado o limite de vagas por sala (cerca de 200 inscritos) – o que motivou a organização do evento a criar outra trilha sobre o mesmo tema.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.