Informe aqui

Aplicativos tornam o sistema de Saúde mais digital e eficiente

Os avanços da tecnologia trazem mudanças no comportamento social. É cada vez mais difícil encontrar pessoas que não tenham, por exemplo, smartphones para fotografar, jogar, ouvir música, acessar internet e redes sociais, e, principalmente, facilitar as rotinas diárias com o uso de aplicativos. Os mais comuns são os apps com funcionalidade fitness. Com o processo de transformação digital da área da Saúde, esses recursos (com outras funções) estão sendo incorporados nas instituições do setor.

Aplicativos que auxiliam não somente o paciente, mas também os profissionais e a gestão já fazem parte da realidade das unidades de Saúde. Com os apps, além de conseguir indicações sobre médicos, clínicas e hospitais conforme a região geográfica, agendar consulta ou procedimento online e agilizar a entrada do paciente nas instalações da instituição, há também funcionalidades que otimizam a gestão, aumentam a produtividade das equipes de Saúde e ajudam a desafogar as rotinas hospitalares.

Em seu portfólio de produtos, a MV tem mais de dez aplicativos integrados ao seu sistema de gestão hospitalar. Eles têm a capacidade de reunir dados administrativos e assistenciais que podem ser trabalhados com ferramentas de inteligência de negócios e gerar insights preciosos. Uma vez armazenadas, as informações podem ser utilizadas para tomada de decisão, averiguação de produtividade ou até mesmo identificação de falhas em áreas específicas, desenvolvimento de softwares para monitoramento de grupos de risco e prática da medicina preventiva – apontada como tendência para o futuro do setor.

Entre os aplicativos desenvolvidos pela MV, podem ser destacados o que:

– facilita o processo de compra e controle de estoques, oferecendo ao usuário detalhamento de ordens de compra, ações pendentes, processos para aprovação ou rejeição, mais dinamismo para compras de medicamentos, materiais e equipamentos médico-hospitalares;

– melhora o fluxo de higienização de leitos ao fornecer visão de quais leitos estão liberados para limpeza e/ou manutenção com o objetivo de reduzir o tempo de espera dos pacientes em salas de recuperação e a entrega de leitos para novas internações;

– otimiza o acompanhamento a gestantes em trabalho de parto, permitindo que a progressão do atendimento e as condições da mãe e do feto estejam sempre à mão das equipes assistenciais;

– apresenta informações de rastreabilidade dos pacientes para que médicos e enfermeiros acompanhem toda a movimentação nas salas de cirurgias e, assim, controlem o censo do centro cirúrgico, identifiquem pendências antes do transporte de pacientes, preencham protocolos de segurança e tenham acesso às informações de todas as etapas dos processos cirúrgicos.

Com esses recursos, há para as equipes de Saúde garantia de mais facilidade e para as instituições eficiência na gestão, já que da reunião dos dados são extraídos indicadores que servem de subsídio para a avaliação de produtividade e qualidade.

Aliando o conceito de atenção primária ao de mobilidade e eficiência, há outro aplicativo da MV a se destacar. Integrando ainda mais os pacientes e dando continuidade aos procedimentos de cuidado, o app utilizado após a alta hospitalar tem como objetivo garantir atendimento individualizado diante do diagnóstico e continuidade do tratamento para o reestabelecimento da saúde. Como são emitidos alertas, o aplicativo permite que as equipes médicas e de enfermagem verifiquem se o plano de ação está sendo posto em prática pelo paciente, tendo então ciência sobre pendências dentro de um roteiro diário de cuidados.

As possibilidades de uso de aplicativos na Saúde, assim como na vida cotidiana, não têm fim. Os avanços constantes permitirão a expansão desse modelo, alterando a forma como os serviços são prestados. Se no futuro consultas e exames simples serão feitos via smartphone com a mesma eficácia que presencialmente, só o tempo dirá. Mas o uso de aplicativos que facilitam o dia a dia e a execução dos processos envolvidos na assistência já é realidade e o uso de dados gerados por eles podem impactar tanto na qualidade do atendimento quanto no resultado das organizações.

Sobre a MV
Norteada pela missão de tornar a Saúde mais humanizada e eficiente por meio da TI, a MV completou 30 anos com soluções para hospitais, clínicas, operadoras de planos de Saúde, centros de medicina diagnóstica e redes de Saúde Pública. Líder nacional em desenvolvimento de softwares de gestão para a Saúde, a empresa construiu um legado no sistema brasileiro. São mais de 1000 instituições e 375 mil usuários utilizando as soluções MV para oferecer eficiência, agilidade, precisão e segurança na prestação de serviços na Saúde. E esse número cresce a cada ano, sobretudo, com a expansão da atuação na América Latina e os reconhecimentos internacionais da qualidade das soluções MV. Para saber mais, acesse www.mv.com.br. Acompanhe-nos também no Facebook, Twitter e LinkedIn.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.