book_icon

Estratégia digital exige planejamento para não se tornar obsoleta

Estratégia digital exige planejamento para não se tornar obsoleta

Por Rafael Cichini*

Seja para aumentar a participação de mercado, atingir um novo público ou simplificar os processos, a tecnologia é – e deve ser – uma aliada das empresas. Conforme estimativa realizada pela Gartner, os investimentos nesse setor devem crescer 4,5% em 2018, atingindo um total de US$ 3,7 trilhões. Ou seja, a tendência é que as organizações apostem mais em soluções para chegar aos objetivos almejados. Porém, o que acontece quando a verba é usada sem planejamento, ou com preparação demais, e a estratégia digital torna-se obsoleta?
Antes de mais nada, para evitar que esse tipo de situação seja uma realidade, é preciso que os desafios e objetivos sejam muito bem mapeados e discutidos, buscando empresas que consigam perceber quais devem ser os passos seguidos para o início de uma nova iniciativa digital.
De qualquer forma, caso a tecnologia já tenha sido adquirida, a companhia precisará buscar ajuda de empresas especializadas na transformação do negócio e a adaptação ao mundo digital que não entreguem modelos prontos, mas que sejam capazes de traçar uma boa estratégia ao redor das soluções que a corporação já possui, com um investimento mais preciso.
Para isso, alguns questionamentos devem ser adotados com o intuito sobre o entendimento se o que está sendo proposto vai ao encontro da necessidade dos usuários, fazendo um trabalho minucioso para entregar aquilo que o cliente realmente precisa para conseguir escalar a solução.
Além disso, para que o investimento em tecnologia, visando a transformação do negócio, seja efetivo, é essencial mitigar as fronteiras que existem entre as áreas. O avanço corporativo não permite mais que ocorram discussões entre visões dissonantes a respeito dos projetos ou softwares que devem ser implementados. A realidade atual do mercado demanda qualidade, agilidade, competitividade e valor.
Ou seja, o momento é de integração. As áreas devem ter uma boa comunicação entre si e realmente trabalharem como um único time para conseguir entregar valor para seus clientes e acionistas por meio de um pensamento unificado sobre os resultados que devem ser alcançados e a entrega, tanto para os que estão do lado de dentro como de fora da companhia.
Portanto, é essencial contar com uma boa consultoria, especializada na transformação do negócio, capaz de atuar de ponta a ponta em uma estratégia digital, para a atuação em um mundo que se despede do analógico em velocidade audaciosa. Dessa forma, mesmo que a tecnologia tenha se tornado defasada, com um bom planejamento, a mesma poderá servir como base – ou complemento – para garantir evolução e resultado.

* Rafael Cichini é Chief Digital Officer da Verity Group, empresa especializada em consultoria para transformação digital e gestão de ponta a ponta

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | TECNOLOGIA

5G impõe seu ritmo

Leia nessa edição sobre carreira

MERCADO

Brincadeira de gente grande

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

GESTÃO

Backup: a última linha de defesa

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

NEGÓCIOS

Terceirização de equipamentos

Maio 2022 | #57 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento