Tendências

Kodak aposta no mercado de Bitcoin com moeda própria

Para lançar a moeda virtual para fotógrafos, a empresa irá desenvolver a própria plataforma de blockchain, a KodakOne

Depois de quase fechar as portas, a Kodak anuncia que entra no mercado de moedas virtuais com a sua própria moeda. Com o objetivo de “empoderar fotógrafos e agências a ter maior controle no gerenciamento de direitos de imagem”, a companhia criou uma moeda digital voltada para o mundo da fotografia.

As KodakCoins serão usadas como forma de pagamento a profissionais para licenciamento das imagens no sistema

A KodakOne, plataforma com tecnologia blockchain, irá funcionar como “um registro de contabilidade criptografado de direitos autorais para fotógrafos e agências.” As KodakCoins serão usadas como forma de pagamento a profissionais para licenciamento das imagens no sistema. A oferta inicial de moedas (ICO) será realizada no dia 31 de janeiro e está aberta para investidores do Estados Unidos, do Canadá, entre outros países.

O uso do Blockchain na empreitada chamou a atenção do mercado. Dois dias após o anúncio, os papeis da empresa de Rochester, nos Estados Unidos, subiram 200%, ou seja, triplicaram de valor.

Para o CEO da Kodak, Jeff Clarke, essas tecnologias podem ajudar os fotógrafos a ter maior controle. “Blockchain e criptomoedas são palavras em alta. Para os fotógrafos, essa tecnologia pode ajudá-los a resolver um problema que por muito tempo pareceu impossível de ser solucionado”.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.