book_icon

Projeto da Resource gera economia de R$ 1,35 milhão para o governo da Bahia

RH Bahia, iniciativa pioneira na administração pública brasileira, moderniza a gestão de Recursos Humanos do Estado

Nos nove primeiros meses de 2017, o governo do Estado da Bahia economizou R$ 1,35 milhão em sua folha de pagamento graças à entrega da primeira etapa do projeto RH Bahia, desenvolvido e implementado pela Resource, uma das principais e mais bem-sucedidas multinacionais brasileiras de serviços de TI e Integração Digital. O montante representa uma redução mensal de 0,8% no valor bruto médio da folha de pagamento de oito empresas públicas e sociedades de economia do Estado onde o novo sistema foi implementado e que está em uso desde janeiro.
“A implantação é um exemplo claro de como estamos qualificando o gasto com pessoal de modo a viabilizar o investimento em políticas de gestão de pessoal cada vez mais efetivas”, defende Edelvino Góes, Secretário de Administração do Estado, ao explicar que a redução nas despesas com a folha é consequência de um novo padrão de confiabilidade e precisão no processamento dos dados proporcionado pela nova tecnologia.
“O RH Bahia e a automatização dos processos têm nos proporcionado um novo padrão de confiabilidade, pois conseguimos identificar e corrigir muito mais rapidamente eventuais erros e inconsistências”, afirma Adriano Tambone, Superintendente de RH da Secretaria de Administração da Bahia. O executivo cita como exemplo a correção de registros que resultavam em ganhos indevidos de remuneração e falhas relacionadas ao cálculo do adicional por tempo de serviço. “Como cada autarquia tinha a sua própria metodologia, era comum encontrarmos informações equivocadas”, explica Tambone.
“Esse projeto possui diversas particularidades importantes. Para a Resource, significa um grande passo em sua atuação no setor público, para a SAP o pioneirismo da implementação do módulo HCM em um projeto dessa magnitude na área de Recursos Humanos e, para o governo da Bahia, representa o ineditismo da modernização desse setor”, afirma Marcus Piombo, Vice-Presidente de Operações da Resource. Outro diferencial apontado pelo executivo está relacionado às vantagens da automatização dos processos e à centralização na solução, que acaba liberando os servidores para atividades mais estratégicas. “A integração em uma mesma ferramenta gera agilidade e transparência a todas as áreas de atuação da política de Recursos Humanos do Estado, beneficiando diretamente a gestão do gasto público”, diz Piombo.

RH Bahia
O projeto, pioneiro na administração pública brasileira, moderniza a gestão de Recursos Humanos do Estado por meio do módulo Human Capital Management (HCM) do SAP e é uma iniciativa da Secretaria de Administração do Estado da Bahia (Saeb) em parceria com a Companhia de Processamento de Dados do Estado (Prodeb).
A próxima etapa do projeto abrange todos os órgãos da administração pública, autarquias e fundações, com o RH Bahia operando em 417 municípios e em 31 mil locais de trabalho, auxiliando 270 mil servidores de todo o Estado. A estimativa do governo da Bahia é gerar uma redução na folha de pagamento de aproximadamente R$ 7 milhões ao mês – cerca de R$ 90 milhões ao ano. A iniciativa tem como objetivo ainda eliminar o uso do papel em mais de 90% das ações, o que representa uma economia de R$ 4,5 milhões.
Além da qualificação do gasto com pessoal, o RH Bahia trará diversos outros benefícios para a administração pública. Mais de 90% dos processos serão automatizados, o governo baiano contará com mais rapidez para acesso a informações gerenciais, aprimoramento da gestão dos servidores etc. O software permite ainda acesso on-line facilitado a busca e envio de informações, vantagens e benefícios. “A população está cada vez mais exigente em relação aos serviços prestados por órgãos públicos. Investimentos em soluções de tecnologia apresentam-se como excelentes alternativas e é isso que estamos implementando no Governo da Bahia”, completa o Vice-Presidente de Operações da Resource.
Dada a importância e magnitude do projeto – para garantir a implantação do sistema em 53 órgãos, autarquias e fundações do Estado –, uma equipe composta por 100 profissionais atua diretamente em seu desenvolvimento e implementação. A rotina envolve desde o esforço em desenhar, configurar e desenvolver os processos de RH do Estado para customização do SAP até mobilizações e treinamentos para os servidores se familiarizarem com a nova tecnologia.

Últimas Notícias
Você também pode gostar
As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou qualquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.
Revista Digital
Edição do mês

Leia nesta edição:

Leia nessa edição sobre tecnologia

CAPA | GESTÃO

A doce ditadura da Governança de Dados

Leia nessa edição sobre carreira

CARREIRA

Profissões do futuro

Leia nessa edição sobre setorial | saúde

SETORIAL

Área pública: desafios e lucros

Esta é para você leitor da Revista Digital:

Leia nessa edição sobre sustentabilidade

LEGISLAÇÃO

LGPD Ano Um: uma construção inacabada

Setembro | 2021 | #50 - Acesse:

Infor Channel Digital

Baixe o nosso aplicativo

Google Play
Apple Store

Agenda & Eventos

Cadastre seu Evento