Carreira

Com novo CEO, Resource anuncia plano de expansão

Paulo Marcelo, ex-Capgemini, assume o comando daResource, empresa brasileira de integração e serviços de TI, a partir de janeiro de 2017 e como primeira missão expandir a atuação da empresa. O novo CEO, que será responsável pelas operações no Brasil e no exterior da companhia, assume o lugar de Gilmar Batistela, que passará a atuar apenas como presidente do conselho, dando foco na estratégia de internacionalização da companhia, inovação e aquisições.

Paulo Marcelo é o novo CEO da Resource

Com o anúncio, o objetivo declarado da Resource é ampliar a oferta de transformação digital no Brasil, além da internacional, com a ampliação do portfólio de soluções, incluindo aceleradores digitais – modelo de TI bimodal com uso de soluções digitais prontas e semi-prontas que aceleram os negócios de empresas, especialmente nos setores financeiro, de saúde, varejo e bens de consumo.

“O Brasil precisa de tecnologias de ponta para recuperar a posição de destaque na economia mundial”, diz em comunicado o novo CEO. A expectativa da Resource repousa sobre áreas com potencial de expansão de mais de dois dígitos.

Formado em ciências da computação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Paulo Marcelo tem ainda pós-graduação em administração de empresas pela Fundação Getúlio Vargas paulista (FGV-SP) e mestrado em engenharia de computadores e software pela IPT-USP. Era presidente da Capgemini desde 2014.

Expansão
A estratégia de crescimento da Resource para os próximos cinco anos prevê um modelo de governança mais estruturado, que inclui a renovação do conselho consultivo de administração visando futura abertura de capital. A empresa, que sempre atuou com recursos próprios, estuda possibilidades de crescimento com apoio de parceiros estratégicos e fundos de investimento.

“O Brasil precisa de tecnologias de ponta para recuperar a posição de destaque na economia mundial” Paulo Marcelo, CEO Resorce
“Estamos nos preparando para ingressar na Bolsa de Valores em três anos e, com isso, sermos uma das primeiras integradoras brasileiras de soluções digitais a ter capital aberto”, aposta Gilmar Batistela. “O objetivo é preparar a Resource para um novo ciclo de crescimento que prevê dobrar o faturamento em três anos e atingir cerca de R$ 1 bilhão de receita anual até 2021.”

Os planos de expansão incluem ainda ações para ampliar presença no Brasil e no exterior. Desde a fundação a empresa adquiriu dez companhias para complementar estrutura. Em 2017 reiniciará o plano de aquisições, visando impulsionar as operações. “Vamos intensificar nossas operações internacionais nos próximos três anos, com destaque para a América do Norte e América Latina”, explica.

A empresa, que atua em cinco países, acaba de abrir o terceiro escritório nos Estados Unidos (Texas) e iniciar operações no México. A presença em solo norte-americano começou em 2000 por Miami (Flórida). Em 2014, a Resource inaugurou um centro de inovação no Vale do Silício (Califórnia).

Tags

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.