Tendências

Um em cada cinco consumidores já preferem código QR para pagar compras online

Número de consumidores que afirmam fazer compras online frequentes dobrou na comparação com o período pré-coronavírus e compras via redes sociais e por WhatsApp ganham protagonismo

Um de cada cinco consumidores brasileiros aponta o código QR como uma das suas três formas preferidas de pagamento na hora de fazer compras online.

O dado integra a segunda parte de uma pesquisa feita pelo Capterra sobre o comportamento dos compradores após o início da crise do coronavírus que ouviu 1.002 entrevistados de todas as regiões do Brasil entre os dias 14 e 21 de julho.

A aposta por novos meios de pagamento veio acompanhada de um forte crescimento das compras recorrentes pela internet devido à pandemia  

O aumento do uso desta forma de pagamento acontece no momento em que o governo se prepara para o lançamento do PIX, projeto que vai unificar as transações com Código QR e promete popularizar ainda mais a modalidade.

A aposta por novos meios de pagamento veio acompanhada de um forte crescimento das compras recorrentes pela internet devido à pandemia.

Segundo o estudo, dobrou o número de consumidores que afirmam fazer de 6 a 10 compras online por mês na comparação do período pré-crise com o atual, de 9% a 19%, respectivamente. Por outro lado, a quantidade daqueles que afirmam fazer somente de uma a duas compras por mês teve queda de 37%.

As formas de pagamento preferidas dos consumidores online são o PayPal e o cartão de crédito à vista, usadas por 43% dos entrevistados e seguidas pelo cartão de crédito parcelado (41%), cartão de débito (32%) e boleto bancário (23%).

Consumidor aposta por novas tecnologias para comprar
Além de diversificar os métodos de pagamento, os consumidores estão cada vez mais apostando por novas plataformas.

Quase quatro de cada dez consumidores (38%), por exemplo, afirmam já ter feito compras por sistemas de chat, como o WhatsApp. E as redes sociais também ganham protagonismo: 33% dos entrevistados afirma já ter comprado pelo menos uma vez diretamente nas redes sociais, como o Instagram.

“O brasileiro está entre os líderes mundiais em adoção de redes sociais e do WhatsApp. Com essas plataformas se transformando em verdadeiros marketplaces, o consumidor pode buscar produtos e fechar a compra na própria plataforma”, comenta Lucca Rossi, analista responsável pela pesquisa.

Além de analisar as formas de pagamento e as plataformas mais utilizadas pelos consumidores, o estudo do Capterra também perguntou aos entrevistados sobre seus hábitos de segurança nas compras online e se debruçou sobre suas preferências de compra durante esse período de excepcionalidade.

Nos últimos meses, o Capterra tem investigado as mudanças tecnológicas no setor financeiro brasileiro, tanto na área empresarial, com o aumento da adoção de fintechs entre as pequenas e médias empresas, como na de consumo, com o crescimento do uso do celular para pagamentos em lojas físicas após a pandemia do coronavírus.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos