Carreira

Programa de aceleração em tecnologia traz vantagens para profissionais e empresas

Grupo Movile, que abriu um curso gratuito para desenvolvedores em parceria com a Codenation no fim de 2018, avalia os resultados da experiência

A capacitação de novos profissionais foi uma das soluções encontradas pelo Grupo Movile, uma das empresas globais de marketplaces móveis, para lidar com a falta de mão de obra especializada no mercado de tecnologia brasileiro. Em novembro de 2018, a empresa criou uma parceria com a Codenation — startup que prepara profissionais e os aproxima das empresas de tecnologia através de uma plataforma de aceleração gratuita para profissionais da área —, que lançou o AceleraDev Movile. Através da iniciativa, 90 desenvolvedores e desenvolvedoras de Porto Alegre, São Paulo, Recife e regiões adjacentes foram capacitados e agora, depois de formados, terão a chance de participar de processos seletivos para vagas nos times de tecnologia do Grupo Movile.

“Entendemos que o mercado está totalmente competitivo e não existe mão de obra capacitada na quantidade necessária para suportar o crescimento das empresas do Grupo”, explica Bárbara Camargo, Gerente de Talent da Movile. O programa deu aos participantes a oportunidade de aprender a linguagem de programação Java, de acordo com o perfil da empresa, e ajudou o Grupo a driblar o problema de competitividade por talentos de tecnologia. Além de capacitar pessoas que podem ser contratadas pela Movile, a empresa acredita que o programa de aceleração também gerou um impacto real para a sociedade.

Atualmente, a startup tem capacitações online abertas para Data Science e Java. A capacitação é feita através da plataforma online da Codenation, que utiliza a abordagem Challenge Based Learning (Aprendizado Baseado em Desafios, em tradução livre) 

Isadora Giongo é analista de testes em uma fábrica de software e foi uma das participantes do AceleraDev Movile, em Porto Alegre. Ela sempre atuou na área de tecnologia — com suporte técnico e redes em empresas e como professora em cursos técnicos — e está estudando para se tornar desenvolvedora. “Tenho estudado de forma online, o que torna o processo um pouco solitário e, algumas vezes, distante das exigências e desafios do mercado. De forma prática, o AceleraDev realmente cumpriu sua função e me impulsionou em minha curva de aprendizagem dentro do meu próprio tempo e processo”, conta.

A evolução dos profissionais foi observada por Jonathan Souza Santos, engenheiro de software e um dos tutores do programa na capital gaúcha. “Acredito que isso seja o mais gratificante do programa. Todos trabalhavam durante a semana e ainda disponibilizavam seus sábados para essa imersão nas tecnologias propostas. Foi interessante ver como o que foi aprendido em um sábado era posto em prática no seguinte”, relata. Ele era um dos responsáveis pela programação das aulas e atividades de cada fim de semana e atualmente é tutor no programa AceleraDev Brasil, da Codenation.

Jonathan acredita que os programas de aceleração de profissionais sejam as iniciativas mais importantes para o mercado de tecnologia atualmente. “Todas as empresas deveriam aprender com estes programas, que demonstram o investimento da própria organização nos profissionais que possam vir a ser seus funcionários e mesmo nos que não venham a ser”, afirma. Segundo ele, isso faz o mercado de TI crescer, com pessoas mais competentes e com vivência de como é o dia a dia das empresas.

Para o CEO da Codenation, Eduardo Varela, investir em educação é a melhor forma de resolver os problemas de captação de talentos do segmento de TI. Após sete anos de experiência na área, ajudando startups em formação e outras empresas, ele percebe a importância de preparar e inserir novos profissionais no mercado. “Se continuarmos nesse ritmo, o recrutamento se tornará impraticável. As empresas concorrem entre si pelos profissionais que já estão no mercado há mais tempo, mas existem muitos talentos com potencial saindo das universidades e que se encontram em regiões distantes dos polos de tecnologia”, diz.

Atualmente, a startup tem capacitações online abertas para Data Science e Java. A capacitação é feita através da plataforma online da Codenation, que utiliza a abordagem Challenge Based Learning (Aprendizado Baseado em Desafios, em tradução livre). Nela, os desenvolvedores aprendem através de desafios de programação, recebem auxílio de tutores e assistem palestras com convidados que já atuam no mercado de tecnologia.

“Nesse método as pessoas têm um desafio real para solucionar, trabalham em squads (equipes) e com prazo apertado. Além disso, conseguimos avaliar skills (habilidades) técnicas e padrões comportamentais que são importantes para as empresas do Grupo”, conclui Bárbara, demonstrando como a Movile acredita na formação de talentos.

A Codenation tem a missão de tornar a educação tecnológica financeiramente viável, acessível em todos os lugares e direcionada às necessidades do mercado — preparando pessoas com grande potencial para darem o próximo passo de suas carreiras no setor tecnológico Por meio de seus programas de aceleração, a startup quer aproximar estudantes e pessoas que estão passando por uma transição na carreira da realidade de mercado e das empresas que estão em busca de novos talentos.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos