Tecnologia

Petrobras utiliza Realidade Virtual para treinar equipes do Polo de Urucu

Experiência simula as atividades de uma área operacional

A Petrobras desenvolveu, em parceria com o Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia, uma experiência em Realidade Virtual (RV) para o treinamento de sua força de trabalho no Polo de Urucu, em Coari (AM), com peculiaridades e especificações alinhadas com os requisitos de segurança da companhia.

Baseado em atividades cotidianas dos colaboradores da Petrobras, a experiência contém duas etapas e estimula o interesse dos usuários sobre os equipamentos e rotinas da área operacional por meio de efeitos visuais e sonoros imersos em um ambiente simulado de uma unidade terrestre de produção de petróleo. Com a experiência, aumenta-se a percepção de risco dos participantes, reforçando as regras de segurança, já que a pontuação é baseada por desempenho da identificação dos desvios.

“A ideia é ser fiel ao cotidiano em um campo terrestre. O objetivo não é substituir um treinamento formal, mas ser mais uma ferramenta de capacitação dos colaboradores. Consideramos interessante e eficaz a ideia de reforçar o conhecimento em um ambiente de realidade virtual, de forma lúdica”, comenta o gerente geral da Unidade de Negócio no Amazonas, Gilberto Hosokawa.

A ideia é ser fiel ao cotidiano em um campo terrestre. O objetivo não é substituir um treinamento formal, mas ser mais uma ferramenta de capacitação dos colaboradores  

O gerente setorial de Desenvolvimento da Produção e Construção e Montagem, Rodrigo Pádua, explica que, na experiência, está embutida a cultura de SMS. De forma simples retém a atenção do jogador, o qual se envolve com a narrativa e busca vencer as etapas e desafios propostos. “É uma forma de transmitir conhecimento e tratar de segurança operacional. Trata-se de um jogo que estimula o colaborador a ter mais atenção em atividades do seu cotidiano”.

Pádua comenta que não é a primeira experiência em Realidade Virtual utilizada na unidade. Outras foram desenvolvidas pela equipe de Automação de Projetos do Polo Urucu, mas esta é a primeira com tecnologia tridimensional. O lançamento da experiência está alinhado ao Plano de Negócio e Gestão da Petrobras, que tem por estratégia o aproveitamento de oportunidades relacionadas à Transformação Digital.

REALIDADE VIRTUAL
O gerente técnico do Sidia, Mauro Teófilo, ressalta que o aplicativo foi desenvolvido usando tecnologia de realidade virtual. “É um recurso que permite total imersão do usuário, tornando o aprendizado mais eficaz e dinâmico”, comentou.

O superintendente do Sidia, Chris Lee, reforçou o compromisso do Sidia em contribuir com as empresas a partir do uso de novas tecnologias. “A inovação está em nosso DNA e treinamentos em Realidade Virtual e Realidade Aumentada nas áreas operacionais de empresas como a Petrobras mostram o potencial das tecnologias de impacto rumo à indústria 4.0”, destacou.

O Sidia já desenvolveu outros projetos utilizando Realidade Virtual, entre eles estão: um ambiente de simulação para validar conceitos de um novo veículo elétrico voador e autônomo para a Embraer, bem como dois projetos para o Hospital Israelita Albert Einstein. Em um dos projetos, o objetivo era o de incentivar a prática de parto humanizado com os treinamentos; o outro projeto foi voltado para exercícios de fisioterapia utilizando RV e um sistema de acompanhamento médico dos resultados via web.

O Sidia Instituto de Ciência e Tecnologia está sediado em Manaus, Amazonas, e com filial em São Paulo. É responsável por implementar soluções digitais inovadoras para o mercado global.

Fundado em 2004, o Sidia atua no desenvolvimento de software embarcado para celulares, tablets, novas tecnologias vestíveis (wearables) e smart TVs, plataforma e aplicação para óculos de realidade virtual, realidade aumentada, inteligência artificial e criação de games de classe mundial.

Como entidade privada, o Sidia é formado por pessoas incríveis, das mais variadas formações intelectuais e culturais, com diferentes visões de mundo e apaixonadas por inovação, seu DNA. É este potencial humano aliado à tecnologia que os move a contribuir para uma sociedade melhor, tornando a vida das pessoas muito mais fácil e divertida.

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos