Destaque Tecnologia

Novo Google Analytics está mais inteligente

Com Machine Learning em seu núcleo, ferramenta exibe automaticamente insights úteis para fornecer uma compreensão completa dos clientes em todos os dispositivos e plataformas

O Google anunciou ontem (14/10) mudanças importantes no Google Analytics. No blog da empresa, Vidhya Srinivasan, vice-presidente de Medição, Análise e Plataformas de Compra do Google, observou que as abordagens atuais de análise não estão acompanhando o ritmo das mudanças no comportamento dos consumidores. “Milhões de empresas, grandes e pequenas, contam com o Google Analytics para entender as preferências dos clientes e criar experiências melhores. Com mais comércio se movendo para o online e empresas sob pressão crescente para fazer valer cada dólar de marketing, os insights das ferramentas de análise digital se tornam mais críticos”, disse a executiva.

Para ajudar as empresas a obter um melhor ROI de seu marketing a longo prazo, a empresa desenvolveu um novo e mais inteligente Google Analytics, que se baseia no recurso App + Web, que foi introduzido na versão beta apresentada no ano passado. Ele tem um Machine Learning em seu núcleo para exibir automaticamente insights úteis e fornecer uma compreensão completa dos clientes em todos os dispositivos e plataformas. É centrado na privacidade por design, para que o usuário possa contar com o Analytics, mesmo quando as mudanças do setor, como restrições a cookies e identificadores, criam lacunas nos dados.

O usuário também obterá um melhor entendimento de seus clientes em todo o seu ciclo de vida, desde a aquisição até a conversão e retenção 

Segundo a executiva, ao aplicar os modelos de Machine Learning avançados do Google, o novo Analytics pode alertar automaticamente sobre tendências significativas nos dados, como produtos com uma demanda crescente devido às necessidades de novos clientes. Ajuda até mesmo a antecipar ações futuras que os clientes podem realizar. “Por exemplo, o sistema calcula a probabilidade de rotatividade para poder investir com mais eficiência na retenção de clientes em um momento em que os orçamentos de marketing estão sob pressão”, disse Srinivasan. “Continuamos adicionando novas métricas preditivas, como a receita potencial que se pode obter de um determinado grupo de clientes. Isso permite criar públicos para alcançar clientes de maior valor e executar análises para entender melhor por que alguns tendem a gastar mais do que outros”, explicou.

Mais recursos
Com novas integrações nos produtos de marketing do Google, ficou mais fácil o usuário usar o que aprendeu para melhorar o ROI do que foi investido em marketing. Uma integração mais profunda com o Google Ads, por exemplo, permite criar públicos que possam alcançar os clientes com experiências mais relevantes e úteis, onde quer que eles decidam se envolver com a empresa.

A nova abordagem também possibilita atender a solicitações antigas de anunciantes. Como o novo Analytics pode medir as interações do aplicativo e da web juntos, ele pode incluir conversões de visualizações engajadas do YouTube, que ocorrem no aplicativo e na web por meio de relatórios. Ver as conversões de visualizações de vídeo do YouTube junto com as conversões do Google e de canais pagos não pertencentes ao Google e canais orgânicos como Pesquisa Google, redes sociais e e-mail ajuda a entender o impacto combinado de todos os esforços de marketing.

A nova abordagem também possibilita atender a solicitações antigas de anunciantes

Segundo a empresa, o novo Google Analytics oferece medição centrada no cliente, em vez de medição fragmentada por dispositivo ou por plataforma. Ele usa vários espaços de identidade, incluindo IDs de usuário fornecidos pelo profissional de marketing e de usuários que optaram pela personalização de anúncios, para fornecer uma visão mais completa de como os clientes interagem com a empresa.

“O usuário também obterá um melhor entendimento de seus clientes em todo o seu ciclo de vida, desde a aquisição até a conversão e retenção. Isso é crítico quando as necessidades das pessoas estão mudando rapidamente e é preciso tomar decisões em tempo real para ganhar e manter novos clientes”, disse Srinivasan. “Com base nos comentários, simplificamos e reorganizamos os relatórios para encontrar intuitivamente insights de marketing com base na parte da jornada do cliente. É possível ver quais canais estão gerando novos clientes no relatório de aquisição de usuários e, em seguida, conferir os relatórios de engajamento e retenção para entender as ações que esses clientes realizam e se eles permanecem por perto após a conversão”, explicou.

Serviço
blog.google.com

 

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos