Gestão

Microcity inaugura unidade de negócios em Recife

Com investimento inicial acima de um milhão de reais, a unidade deve dobrar de tamanho ainda este ano, e representar 5% do faturamento global da companhia até 2022

A Microcity, empresa brasileira pioneira em outsourcing de ativos de TI, anuncia a abertura da primeira unidade de negócios em Recife (PE), com um investimento acima de R$ 1 milhão. A empresa, que possui atuação em todo o Nordeste, espera dobrar ainda este ano o tamanho do escritório na capital pernambucana, que deve alcançar dezenas de clientes, e representar cerca de 5% do faturamento global da companhia até 2022.

Segundo Aldair Gomes, gerente de vendas da Microcity no Nordeste, a região apresenta grande capacidade de crescimento, devido especialmente à demanda das companhias locais por infraestruturas de TI que suportem a Transformação Digital. “Com nossa expertise de mais de 30 anos no mercado nacional de outsourcing, mais de 200 mil ativos alocados em todo o país, e ofertas que incluem equipamentos de última geração dos maiores fornecedores de tecnologia, como Apple, Dell, HP, Lenovo e Microsoft, queremos ajudar na evolução dos nossos clientes, com ênfase no aumento de eficiência, na melhoria da gestão dos ativos de TI, para assim poderem focar no crescimento dos negócios”, afirma.

 O mercado, independente do setor de atuação, está buscando aumentar o diferencial competitivo, alcançar novas praças, virtuais ou físicas, expandir o portfólio de ofertas, e se sobressair em relação à concorrência  

De acordo com ele, a expectativa é que a unidade de Recife comporte o atendimento a clientes de outros estados, entre eles Paraíba, Bahia, Rio Grande do Norte, Alagoas e Sergipe. Ainda conforme Gomes, a Microcity possui atendimento técnico especializado próprio no Estado, além de contar com cerca de 10 parceiros de serviços. Ao todo, a empresa atende 178 localidades em 34 cidades de Pernambuco.

Para Luis Carlos Nacif, presidente da Microcity, o mercado, independente do setor de atuação, está buscando aumentar o diferencial competitivo, alcançar novas praças, virtuais ou físicas, expandir o portfólio de ofertas, e se sobressair em relação à concorrência. “Mas para isso as equipes internas de TI precisam estar livres para focar naquilo que realmente importa, a aplicação das novas tecnologias em prol do crescimento dos negócios, e apenas com um parceiro de Outsourcing confiável e proativo, é que as empresas vão conseguir atingir esse objetivo”, aponta.

 

 

 

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos