Destaque Tendências

Mercado para ferramentas de análise de imagens com IA deve crescer 8,2% por ano

Segundo projeções da Frost & Sullivan, as receitas deverão bater em US$ 825,9 milhões em 2025, puxadas pela demanda na área de patologia digital

O mercado para as ferramentas de análise de imagens com apoio na tecnologia de Inteligência Artificial deve crescer expressivamente, em linha com a demanda na área de patologia digital. Análise recente da Frost & Sullivan, intitulada “Ferramentas de análise de imagens baseadas em IA e implantação baseada em nuvem para expandir o mercado global de patologia digital”, conclui que este ramo deverá movimentar US$ 825,9 milhões em 2025, contra os US$ 513,3 milhões registrados em 2019, avançando a uma taxa composta de crescimento anual de 8,2%.

O aumento dos volumes de testes patológicos devido à prevalência de doenças, a importância da patologia digital para a indústria farmacêutica e as aprovações regulatórias para o uso deste recurso no diagnóstico primário impulsionarão o mercado.

A análise destaca ainda as principais métricas de crescimento, a segmentação do mercado por produto (hardware, software e soluções de armazenamento) e as tendências específicas para a comercialização nas regiões da América do Norte , Europa e Ásia-Pacífico.

 O aumento dos volumes de testes patológicos, a importância da patologia digital para a indústria farmacêutica e as aprovações regulatórias no diagnóstico primário deverão impulsionar o uso de soluções 

“Novos modelos de negócios, como serviços sob demanda, serão essenciais para aumentar o acesso a mercados inexplorados e aumentar significativamente a adoção da patologia digital durante o período previsto”, disse Deepak Jayakumar, analista da Indústria de Saúde e Ciências da Vida da Frost & Sullivan.

“Além disso, como os altos custos das soluções digitais são uma preocupação crucial para laboratórios de diagnóstico, os provedores de soluções aproveitam as oportunidades para estabelecer centros de serviços regionais, que serão equipados para fornecer digitalização de slides, análise de imagens e serviços de armazenamento em mercados emergentes”, observou ele.

Com o aumento esperado na adoção das soluções durante o período analisado, tendência parcialmente acelerada pela pandemia da Covid-19, a geração de dados deve aumentar muito, na projeção da Frost & Sullivan. Como resultado, o setor de soluções de armazenamento provavelmente registrará o maior crescimento, seguido por software e nichos da área de hardware.

De uma perspectiva regionalizada, segundo Jayakumar, a América do Norte, liderada pelos Estados Unidos, contribuirá significativamente para o mercado geral de patologia digital devido às crescentes taxas de incidência de câncer e às aprovações da Administração de Alimentos e Medicamentos (FDA), relativas o uso de soluções de patologia digital como ferramentas diagnósticas primárias, além do crescimento das indústrias farmacêuticas e de pesquisas contratadas.

“Da mesma forma, o aumento das aplicações de pesquisa e o aumento do investimento em infraestrutura de TI e tecnologia de comunicações ajudarão na expansão do mercado de patologia digital na região da Ásia-Pacífico”, assinalou ele.

Requisitos para os fornecedores

De acordo com a consultoria, para melhor explorar as perspectivas de crescimento no mercado de patologia digital, os fornecedores precisam se ater aos seguintes requisitos:

o Demonstrar melhor produtividade para usuários finais por meio de colaborações;

o Entender que a análise automatizada de imagens é o maior motivador para o fluxo de trabalho de patologia digital e a adoção de soluções em ambientes clínicos e de pesquisa, pois pode reduzir significativamente o tempo de resposta e aumentar a eficiência dos recursos;

o Adaptar-se à integração com arquitetura aberta, pois os clientes devem cada vez mais mudar de soluções para uma abordagem avançada na patologia digital;

o Concentrar -se em soluções baseadas em nuvem que podem ser rapidamente implantadas e facilmente integradas ao Sistema de Informações de Laboratório/ Sistema de Gerenciamento de Informações de Laboratório;

o Certificar-se de que toda a imagem de slides e o software possam se integrar perfeitamente à patologia anatômica e ao Sistema de Informações de Laboratório existente do hospital para que o fluxo de trabalho tenha o impacto desejado.

O estudo é a mais recente adição à pesquisa e às análises de Healthcare & Life Sciences da Frost & Sullivan disponíveis através do Frost & Sullivan Leadership Council, que ajuda as organizações a identificar um fluxo contínuo de oportunidades de crescimento.

Serviço
www.frost.com

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos