Tecnologia

Loonar inicia operação oferecendo serviços de gestão na Nuvem

Objetivo da nova startup é simplificar e agilizar o processo para os clientes adotarem a tecnologia

A Loonar, startup de integração e soluções em tecnologia, acaba de iniciar suas atividades com a missão de simplificar, por meio de soluções personalizadas, os processos e a gestão das Nuvens de seus clientes. A empresa começa a operar em um cenário de alta demanda por terceirização do gerenciamento de serviços de agilidade e Cloud Computing, gerada pela complexidade de processos que envolvem diferentes times, Nuvens e tecnologias ao mesmo tempo. “Nosso objetivo é dar vazão e simplificar o processo dos clientes, cujo ambiente está caótico demais para ser atendido com as ferramentas que eles têm disponíveis”, afirma Renato Censi, um dos sócios da startup.

Um dos impulsionadores dos negócios é a crescente demanda por modelos híbridos de TI que, em três anos, devem ser adotados por cerca de 95% das companhias brasileiras

Censi pontua que uma empresa, seja ela média ou grande, pode utilizar hoje três Nuvens públicas e duas privadas, por exemplo, o que demanda especialistas em cada uma das plataformas e ferramentas capazes de se comunicar com todas elas. “O monitoramento ficou muito complexo e suscetível à perda de controle do ambiente”, comentou.

Um dos pilares da startup, a agilidade dos processos se reflete na capacidade da Loonar, especialista Scrum, Kanban e em Integrações, de ligar produtos e serviços de líderes do mercado às realidades dos clientes, por meio de conexões criadas pelo time de desenvolvimento. “É o que podemos chamar de última milha entre o que um grande fabricante desenvolve e o que um cliente brasileiro precisa”, detalha o executivo.

Já atuando em segmentos como farmacêutico, financeiro, bancário, de tecnologia e varejo, a Loonar oferece aos clientes uma redução média de custos da ordem de 30%, ao mesmo tempo em que proporciona, em média, um aumento de produtividade acima dos 30% nos processos. De acordo com a empresa, um dos impulsionadores dos negócios é a crescente demanda por modelos híbridos de TI que, em três anos, devem ser adotados por cerca de 95% das companhias brasileiras, aliados a estratégias de simplificação da gestão.

Serviço

Home

Comentar

Clique aqui para comentar

As opiniões dos artigos/colunistas aqui publicados refletem exclusivamente a posição de seu autor, não caracterizando endosso, recomendação ou favorecimento por parte da Infor Channel ou quaisquer outros envolvidos na publicação. Todos os direitos reservados. É proibida qualquer forma de reutilização, distribuição, reprodução ou publicação parcial ou total deste conteúdo sem prévia autorização da Infor Channel.

Assine a nossa Newsletter

e receba informações relevantes do mercado TIC

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso!
Captcha obrigatório

Agenda & Eventos